COPA SÃO PAULO

Paulista empata no sufoco contra o Porto

Foi na base do sufoco, mas o time do Paulista sub-20 mantém viva sua chance de classificação rumo à próxima fase da 50ª Copa São Paulo de Futebol. Ontem, no Jayme Cintra, o jogo terminou empatado por 1 a 1 diante do Porto da cidade de Caruaru (distante 2.500 km de Jundiaí).

O galinho terá que vencer o Vila Nova de Goiás na próxima terça-feira (8), às 16h para garantir uma das duas vagas no grupo 18. No jogo, após um primeiro tempo sem gols, o time comandado pelo técnico Juninho Ortega voltou do intervalo com várias alterações, e tomou uma “ducha de água fria”.

Aos nove minutos, o atacante Neto marcou para a atual campeã estadual pernambucana. O técnico mexeu na sequência, tirando Vitinho (o melhor do time) . Segundo os comentaristas da Difusora, Heitor Freddo e Robinson Machado, ” o Vitinho faz falta, mas o Paulista está no jogo, pode empatar ainda”. E eles acertaram, e com um plus.

Aos 47 minutos ( o jogo iria até os 50), um chute forte de fora da área e golaço de Vitor Emerson contra as redes do goleiro Felipe Mota, que até então chegou a retardar por algumas vezes o jogo fazendo a chamada “cera” sem que fosse repreendido pelo árbitro Samuel Aguilar de Lima. “Foi lamentável “, sentenciou Rafael Porcari, ex-árbitro e hoje comentarista do Time Forte do Esporte. Final, Paulista e Porto 1 a 1, para um público aproximado de três mil torcedores.

Os meninos do Paulista tiveram que ‘suar’ para empatar nesta primeira fase (Foto: Rui Carlos)

 

 

COMENTE

Loading Facebook Comments ...

Comente

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *