NOTÍCIAS
ÁUDIOS
PROGRAMAÇÃO
APRESENTADORES
PEÇA SUA MÚSICA
QUEM SOMOS
CONTATO
11/01/2017 05h00 - TEMPERATURA SUBINDO
Venda de ventiladores e climatizadores registra aumento significativo
Luciana Muller
lmuller@jj.com.br
© Alexandre Martins
Vitor Costa percebeu que não houve reajuste neste ano
As temperaturas próximas dos 35ºC registradas nas últimas semanas, em Jundiaí, fizeram a procura por ventiladores e climatizadores crescer. Mesmo com estoques mais preparados que no ano passado, algumas lojas tiveram falta de modelos para atender a clientela. Os preços, mantidos em relação ao ano passado, também favorecem as vendas, que devem permanecer aquecidas durante os próximos dias.

O aposentado Vitor de Costa, 60 anos, pesquisava preços de artigos eletrônicos e eletrodomésticos na manhã desta terça-feira (10), em uma loja na Vila Arens. Apesar de já ter comprado um ventilador para casa, no ano passado, verificava os preços. “No ano passado precisei comprar um. Está fazendo muito calor. Não tem como ficar em casa se não tiver um ventilador bom. O meu é grande, venta bastante. Gasta um pouquinho de energia, mas não tem o que fazer. Não dá para enfrentar o calorzão. Os preços também não estão muito diferentes neste ano”, conta.

A observação do consumidor, segundo o gerente da unidade Felipe Nani, é verdadeira. “Não tivemos reajustes e por isso as vendas estão maiores. O estoque, que foi reforçado prevendo maior procura, já se esgotou em alguns produtos. Climatizadores, por exemplo, não temos mais para vender. Chegamos a perder vendas por isso”, comenta o gerente, que não tem como fazer comparativos com anos anteriores, já que a loja foi inaugurada em Jundiaí no final do ano passado.

Em outra rede, segundo informações da assessoria de imprensa, entre os dias 22 de dezembro de 2016 e 5 de janeiro de 2017, a venda de ar-condicionado aumentou 68%, enquanto ventiladores tiveram um crescimento de 170% nacionalmente. Esse aumento é na comparação com o mesmo período do ano anterior, levando em consideração o início do Verão. Nani afirma que o líder em procura para compra é um ventilador de 40 cm, turbo, silencioso. “É um modelo líder de vendas por conta do preço (R$ 149) e capacidade de ventilação. O ar-condicionado tem perdido espaço para os modelos portáteis, por conta do custo. Tanto esses modelos quanto os climatizadores não temos em estoque. A expectativa é de que as vendas continuem aquecidas enquanto o calor permanecer”, comenta o gerente.

Mais vendas - Se apenas as altas temperaturas interferirem nas vendas, os lojistas podem ficar tranquilos. Nos próximos dias, de acordo com a previsão antecipada do Climatempo, Jundiaí permanecerá com altas temperaturas. A mínima para Jundiaí até sexta-feira, dia 20, será de 22ºC, chegando a mais de 30ºC no fim de tarde.

Ar-condicionado - Com a falta de dinheiro e o aumento da temperatura, a procura por peças de manutenção de equipamento de ar-condicionado teve aumento. As últimas semanas registraram melhor movimento que em meses anteriores, porém, ainda não estão equiparadas às vendas do ano anterior.

De acordo com o responsável por vendas de uma loja especializada no comércio de peças para refrigeradores e ar-condicionado, José Valentim Crup, o comércio é temporário. “Todos os anos existe um aumento de procura pela manutenção desses equipamentos nos meses de calor. Não há uma programação para o ano. Acabam deixando para fazer a revisão quando vão usar”, comenta.

Outras notícias sobre NOTÍCIAS LISTAR TODAS
23/03 -  Furto de hidrômetros no Centro será investigado pela Polícia Civil
23/03 -  Com cortes próprios, açougues já registram aumento nas vendas
23/03 -  Cras Vista Alegre oferece curso para empreendedores
23/03 -  Trecho da rua Euclides da Cunha será interditado dia 25
23/03 -  Duo Vipi apresenta novo trabalho no Céu das Artes
23/03 -  ‘Mamãe’ transforma drama em poesia
22/03 -  Estudo aponta preservação e 1,6 mil nascentes em Jundiaí
22/03 -  Tite aposta em Firmino na vaga de Jesus
22/03 -  Dupla jundiaiense sobe no pódio em 3º lugar
22/03 -  Potencial hídrico da Serra do Japi é reserva para o futuro
Notícias
2014 © Jornal de Jundiaí - Todos os direitos reservados.
Acesse:
Projeto Gráfico: Marcelo Savoy | Desenvolvimento: //sithes.com