Colunas Top
Entrevistas
Moda
Turismo
05/05/2017 10h06 - EDITORIAL DE MODA
Vestidos de inverno
Luciana Alves
lalves@jj.com.br
Ícones do verão, os vestidos também são muito usados no inverno e aparecem em todas as coleções com os mais variados estilos, cortes e tecidos. As opções são ecléticas e possibilitam a composição de looks ousados e modernos. A Hype fez uma seleção entre os lançamentos das principais grifes especialmente para você que não abre mão da feminilidade dos vestidos nem mesmo nos dias mais frios; confira.

A coleção Inverno 2017 Spezzato, que traz a modelo Ellen Milgrau como musa, é norteada por um mix de elementos que dialogam entre si em um jogo que combina a sofisticação urbana e o casual chic. Parte da coleção é inspirada nos anos 50 e é evidenciada pela cintura marcada, saias plissadas e blusas de laços no pescoço. Referências que remetem aos anos 70 aparecem nas estampas florais e em vestidos leves e delicados. O glamour fica por conta dos tecidos mais encorpados como o couro e o veludo.

 

Foto: divulgação/Gui Paganini

…………………...............

O filme Soundtrack foi o ponto de partida para a construção do Inverno 17 da Osklen. A inspiração não veio do filme em si, mas do próprio conceito e do roteiro em evolução, que foram criando um imaginário bastante rico enquanto os autores e diretores preparavam suas equipes de filmagem.
As referências visuais - colhidas em uma viagem à Islândia -, somadas às leituras do roteiro, foram se desenrolando nos elementos de cor, formas e texturas da coleção.

Foto: divulgação/OSKLEN 

……...

A digital inlfuencer Camila Coelho é a estrela a campanha de Inverno 17 da marca Regina Salomão fotografada em Nova Iorque. Nomeada de SOUL, a coleção de Inverno 2017 da marca ressalta com muita atitude a essência do SER. Repleta de peças e looks que seguem as principais tendências do momento, a nova coleção promove a autenticidade com grande particularidade a todas as mulheres. A coleção traz peças trabalhadas em couro resinado, pelo ecológico, veludo molhado, malharia estruturada, alfaiataria, acetinados e claro: o clássico e amado jeans!

Foto: divulgação/João Viegas

…………………………..

A grife Maria.Valentina traz para a temporada peças que se inspiram na poética gypsy e se misturam a alfaiatarias leves, que ainda recebem o metalizado do dourado. Verde, vermelho, amarelo e tons terrosos convivem em harmonia com estampas inspiradas em cerâmicas e tapeçarias.
Shapes afastados do corpo providenciam uma silhueta sofisticada e descontraída, que é ajustada pelas coberturas imprescindíveis da estação: parkas, bombers noturnas e blazers cheios de requinte.

Foto divulgação/Bob Wolfenson

…………………

O Inverno 2017 Luisa Farani traz uma representação poética do Antropoceno, o período mais recente da história do planeta Terra, a era geológica denominada como a Era do Homem. A coleção traça um paralelo entre dois momentos críticos que marcam essa nova era. Apresenta-se uma completa alfaiataria com sobreposições de bolsos e intervenções de elásticos em alusão ao primeiro momento, em que o homem se adaptou à natureza. Já a fluidez estrutural de tecidos naturais como a seda, os drapeados geométricos, os godês e nós desconstruídos remetem à natureza se adaptando ao homem. O resultado é uma coleção que explora a trajetória do homem na natureza com funcionalismo e sofisticação.

Foto divulgação: Cecilia Duarte

……………………

Simplicidade, conforto e sofisticação são conceitos que há dez anos definem o universo da A.Niemeyer. A inspiração vem das linhas dos horizontes pacíficos, da tundra, do deserto e dos fiordes, onde a simplicidade se exalta através da sensação de tranquilidade, de conforto e bem-estar máximo. Desses horizontes saem também as cores que permeiam toda a coleção.
Pelos de ovelhas recém-tosquiados, cardados, fiados e tecidos aparecem em vários momentos como símbolos da pureza da matéria principal

…………………

A estilista mineira Fabiana Milazzo estreou na São Paulo Fashion Week com uma coleção em homenagem ao Brasil. Na passarela, a riqueza do trabalho artesanal, elementos de fauna e flora e paisagens amazônicas misturados a símbolos icônicos de cidades históricas de Minas e das metrópoles brasileiras, como obras de Oscar Niemeyer, os grafites de São Paulo, o Cristo Redentor e as favelas do Rio de Janeiro.
Tecidos nobres, como chiffon, organza e musseline de seda pura aparecem em vestidos de festa godê - longos e midi. Na cartela de cores, o off white foi usado como base para as estampas e bordados - que levam toques metalizados - além de azul intenso, denim e dois tons de vermelho.

……………….

A maior civilização da América pré-colombiana inspira o Inverno 2017 da 2DNM, que foi buscar na cultura e na força dos incas as referências para a nova coleção apresentada durante sua estreia no São Paulo Fashion Week. Para entrar no mood étnico do império andino, a marca incorporou bordados, aplicações e adornos luminosos ao seu DNA urbano.
Shapes volumosos e amplos aparecem em calças clochard ou de modelagem masculina, jaquetas oversized e parkas. Peças ganham acabamentos com bordados manuais e aplicações de aviamentos rústicos do artesanato peruano, como pompons, tranças com pedrarias, bolinhas e faixas. Na cartela de cores, monocromáticos all denim e all off White contrastam com tons que vão do azul escuro ao marrom e verde militar.

……………………..

Raquel Davidowicz trouxe para a grife Uma silhueta alongada, sofisticada e esportiva. Mesclando peças volumosas com a fluidez dos tecidos mais leves. Nas cores destaque para o preto, branco, vermelho intenso, grafite e cinza mescla. Nos tecidos tafetá, tricot mescla de lã virgem, lã dublada, crepe de acetato, camurça reversível dublada com pele artificial, crepe de seda, tricoline de algodão, tule bordado dão vida à jaquetas acolchoadas e casacos em pele artificial com uma proposta esportiva, saias bem longas em tafetá ou malha de lã mescla, vestidos drapeados ou transpassados, dentre outras.
………………….

Permeando o tema Índia Punk, a Iódice traz para as araras peças com shapes que valorizam a silhueta feminina, seja através das cinturas marcadas ou charmosos decotes e fendas, que resultam em produções versáteis e elegantes para acompanhar a rotina acelerada da mulher metropolitana.
O chamois traz o toque invernal e é ideal para as temperaturas amenas, assim como o jersey, carro chefe da marca, que é visto em desejados vestidos, longos e curtos, em versões estampadas e também lisas.

…………………

Cris Barros apostou em uma coleção interpretada em momentos que já vivemos e que estão na nossa memória afetiva. Porcelanas e bibelôs da cristaleira da avó, a professora excêntrica da aula de piano, o sofá de veludo, a parede floral do quarto combinando com a colcha e cortina, o quadro do corredor…
Uma coleção intuitiva e espontânea sem grandes interpretações para os motivos, onde momentos vividos na nossa memória já se fundem entre o real e as lembranças de histórias contadas que parecem nos pertencer.

Outras notícias sobre MODA LISTAR TODAS
15/03 -  O inverno 2017 e suas inspirações
07/03 -  Oriente inspira nova coleção de maquiagem e perfume
08/02 -  Para arrasar no Carnaval: make com glitter em apenas 5 passos
25/11 -  Vem chegando o verão…
18/11 -  Marca investe em inovação para eles
14/11 -  Inspiração medieval no alto verão em peças
26/10 -  Arezzo e Patrícia Viera desfilam coleção de calçados de couro
10/09 -  Saiba como manter suas bolsas sempre em excelente estado
08/09 -  Tendência jeans ganha destaque na coleção de Verão 2017
26/08 -  Conheça os segredos de beleza da Renata Kuerten
Colunas Top
Entrevistas
Moda
Turismo
2014 © Jornal de Jundiaí - Todos os direitos reservados.
Acesse:
Projeto Gráfico: Marcelo Savoy | Desenvolvimento: //sithes.com