CULTURA & LAZER
Jundiaí, 28 de fevereiro de 2017
11/01/2017 17h03 - AOS 17 ANOS

Gisele Itié detalha estupro que sofreu de ex-namorado e rebate críticas

Da Folhapress
redacao@jj.com.br
© Divulgação
A atriz Gisele Itié, que interpretou a personagem Zípora na novela "Os Dez Mandamentos" (Record), detalhou o estupro que sofreu quando tinha 17 anos de idade. A primeira vez que ela tinha revelado o abuso que sofreu na adolescência foi no fim de 2016, quando havia gravado um vídeo para a campanha Nenhuma a Menos.

Agora, em depoimento à revista Glamour, publicado nesta terça-feira (10), Itié lembrou que na época viajou com o namorado 15 anos mais velho - chamado por ela apenas de X. Segundo a atriz, ele colocou alguma substância na bebida dela e a estuprou enquanto dormia.

"Quando eu tinha 17 anos, deixei de lado o sonho de ser atriz e namorava um cara 15 anos mais velho", disse a Itié. "Em dois anos iríamos nos casar. Além disso, ele respeitava minha virgindade e minha vontade de casar assim", acrescentou.

"Em uma boate na viagem, me lembrei da minha mãe e pedi um suco de laranja com bastante gelo no bar. Fui ao banheiro. Voltei. Bebi. Fim", contou. "X me desejou boa noite e me chamou de Cinderela", declarou.

"Acordei. Olhei para o lado, e lá estava ele, dormindo. Olhei melhor e o vi nu. Susto. Me olhei. Nua. O chão forrado de garrafas vazias. Eu forrada de amnésia. Foi difícil sentar. Então vi o que eu já imaginava. Perdi a virgindade. Me perdi", detalhou.

Gisele, então, afirmou que decidiu ir para o chuveiro para tirar a sensação de sujeira. O namorado bateu na porta, e ela quis ir embora para casa. "Aos prantos exigi, do outro lado da porta: ’Quero ir para a minha casa agora’. Ele tentou dizer que não dava, e entrei em surto. X concordou em me levar", contou.

Em casa, a atriz disse que contou para a mãe o que havia acontecido. Preferiu não contar para o pai por medo da reação dele. Segundo a atriz, a mãe procurou por X e bateu nele. Com terapia e o apoio da mãe, Itié conseguiu superar o estupro e voltar à carreira.

Críticas
Após a revista Glamour publicar o depoimento, a atriz recebeu diversas críticas na web, culpando o comportamento que ela teve com o ex-namorado - aceitando viajar com ele - e dizendo que ela provocou o abuso sofrido.

No fim da manhã desta quarta (11), a atriz respondeu as críticas em um post no Instagram. Ela lamentou os comentários negativos que recebeu de outras mulheres e disse que elas precisam se unir para combater o machismo.

"Quando nós, mulheres, somos unidas e levantamos a bandeira a favor da nossa liberdade e igualdade de gêneros, nós, mulheres, nos tornamos mais fortes para combater a sociedade machista", declarou.

"Quando leio comentários de mulheres julgando o abuso que sofri e/ou a violência que a mulher sofre todos os dias... E julgando como? Reagindo com insensibilidade e indiferença e acreditando que a vítima ’ajuda’ para que o agressor seja violento. Bem, é muito frustrante perceber esse tipo de reação ainda mais de mulheres", completou.

Comente esta matéria 0 comentários
Seja o primeiro a comentar esta matéria!
Seu telefone e e-mail NÃO serão publicados!
* Campos obrigatórios! (caracteres restantes: 1000)
Li e estou de acordo com os termos e condições de uso do portal.
Outras notícias sobre CULTURA & LAZER LISTAR TODAS
JORNAL DE JUNDIAÍ
política de privacidade anuncie conosco
editorias
Brasil
Cantinho Pet
Economia
Empregos e Concursos
Especiais
Especial 50 Anos
JJ Nos Bairros
Jotinha
Motor
Mundo
Opinião
Polícia
Política
Repórter JJ
Turismo
cidades
Jundiaí
Região
entretenimento
Agito
Cultura & Lazer
Estilo
Revista Estilo & Casa
Théo Faz & Acontece
Revista Hype
Revista Noivas
esportes
fotos
tv jj
Entrevistas
Na Cozinha
Na Ponta da Língua
Notícias
Periscope
Salão Duas Rodas
Seu Bolso
Simplesmente Vinho
grupo jj
Fale Conosco
Blog JJ
Repórter JJ
Quem Somos
Expediente
Anuncie
Assine o Jornal
Enquete
Rádio Difusora
Revista Hype
Revista Noivas
Ponto Onze
Gráfica JJ
Termo e
Condições de Uso
2014 © Jornal de Jundiaí - Todos os direitos reservados.
Acesse:
Projeto Gráfico: Marcelo Savoy | Desenvolvimento: //sithes.com