JUNDIAÍ
Jundiaí, 23 de setembro de 2017
16/02/2017 20h56 - DIA A DIA

Moedas de R$ 0,50 e de R$1,00 continuam sumidas do comércio

Simone de Oliveira
scoliveira@jj.com.br
© Alexandre Martins
Meire colocou um aviso na doceria lembrando que não troca moedas e apela para os clientes as utilizarem nas compras
Ter um estoque de moedas em suas caixas registradoras tem sido muito raro para os comerciantes de Jundiaí, em especial da área central. Em tempos onde os cofrinhos se tornaram moda e o estacionamento rotativo as solicitam para a retirada dos tíquetes, os comerciantes precisam se virar para manter um bom estoque para os trocos. Muitos comerciantes reclamam que as moedas de R$ 0,50 e de R$ 1,00 são as mais raras, entrando as de pequenos valores, mas nem todos as aceitam, então é preciso negociar.

A dona de uma loja de doces, Meire Baesso Spinucci, até colocou um cartaz em frente a sua loja informando que ‘o estabelecimento não troca moedas para o parquímetro’. O aviso teve que ser colocado porque muitos motoristas pediam troco, mas não consumiam nada. “Se eu trocar as moedas fico sem nada porque tem muitos produtos em centavos ou até de pequenos valores. Infelizmente nem todas as pessoas entendem e até ficam bravas, mas até aquelas que compram eu insisto que paguem com moedas porque sempre tem algo na carteira.”

O mesmo problema enfrenta o comerciante José Luiz Germano. Antes de começar a semana faz seu estoque, mas as trocas são efetivadas apenas para aqueles que consomem seus produtos. “Por causa do estacionamento rotativo a insistência é grande. As pessoas não querem moedas pequenas, de R$ 0,05 ou R$ 0,10 porque dificultam na hora de colocar no parquímetro, mas eu tenho que ter de outros valores para fazer girar os trocos”, comenta.

Por falar em estacionamento, a gerente da Autoparque do Brasil, empresa que administra os parquímetros em Jundiaí, Ligia Rocha, diz que os monitores que ficam pelas ruas podem trocá-las para quem precisa utilizar o estacionamento. Mas reforça que os cartões são uma boa opção. “Sabemos da dificuldade em conseguir moedas no Centro, mas para isto temos a opção do cartão para facilitar o processo e ajudar os usuários. Quando se utiliza o cartão pela primeira vez é possível fazer recarga de R$ 10, mas em breve vamos lançar um aplicativo para celular.”

Comente esta matéria 4 comentários
Ariane 17/02/2017 08:13:44
Com coisa que achamos os monitores deles pra trocar as moedas!
Na hora de dar a multa são rapidinhos!!!
Ariane Gimenes 17/02/2017 08:17:23
Com coisa que achamos os monitores deles para trocar as moedinhas!!
Na hora de dar multa são rapidinhos!!!
Caio 17/02/2017 13:58:05
Quebrei meu cofre mês passado!

960,00 em moedas de 0,25 / 0,50 / 1,00

Troquei tudo no comércio aqui perto! agradeceram demais
Elizeu 17/02/2017 19:56:54
Mas onde vão parar as moedas colocadas nos parquímetros? São milhares, todos os dias.
Seu telefone e e-mail NÃO serão publicados!
* Campos obrigatórios! (caracteres restantes: 1000)
Li e estou de acordo com os termos e condições de uso do portal.
Outras notícias sobre JUNDIAÍ LISTAR TODAS
JORNAL DE JUNDIAÍ
política de privacidade anuncie conosco
editorias



Empregos e Concursos
Especiais


Motor
Mundo
Opinião
Polícia
Política
Repórter JJ
Turismo
cidades
Jundiaí
Região
entretenimento

Cultura & Lazer
Théo Faz & Acontece
esportes
tv jj



Notícias
Periscope


grupo jj
Fale Conosco
Repórter JJ
Quem Somos
Expediente
Anuncie
Assine o Jornal
Gráfica JJ
Termo e
Condições de Uso
2014 © Jornal de Jundiaí - Todos os direitos reservados.
Acesse:
Projeto Gráfico: Marcelo Savoy | Desenvolvimento: //sithes.com