Jornal de Jundiaí | http://www.jj.com.br

Guaraci Alvarenga: Que seja uma mágica virada

GUARACI ALVARENGA | 28/12/2018 | 07:30

E estamos a vivenciar, mais uma magia da virada do ano. Como no dizer do poeta Drumond, ‘entra o milagre da renovação e tudo começa outra vez.’ Aí peço permissão, nestes tempos de confraternização, para enviar minha mensagem de amor e amizade a todos aqueles que de uma forma ou outra tocaram meu coração agradecido.
A competência jornalística da Ariadne Gatollini. A Sueli Muzael e Tobias Junior que me abriram a oportunidade de meus artigos. Aos cardeais Vanoil (Passarela), Pascoal Suenson (irmãozinho), o papa Pitico, da Sexta dos Amigos. Ao imperador Agnaldo e diretor Quequelo da turma do UPA. Aos acadêmicos da Academia de Letras. E da Academia Letras Jurídicas. Ao grande Afonso Pereira, a voz bonita do rádio. A TV JJ. O capitão do time forte do esporte Adilson Fredo. O colunista do “faz e acontece” Théo Conceição. Ao jovem editor Márcio Martelli. A Ana Toneli. A lente “fashion” de Val Jr. O sempre global, Rivelino Teixeira. O comentarista craque de bola Mozeli. O estimado Cicero Henrique. A viajante Rosa Massoti. O amigo Edu Cerione. Ao sempre mais doce Orlando Gazolla. A lady poetisa Lucia Helena. Ao Marcio Nogueira, do Amigos. A Luiz Fernando, nosso prefeito e sua Vanessa Machado. Ao vice Pacheco. Ao “Siqueirinha” das rosas. O Rolando Giarola e seus italianos. Mingo Gaspari, Expedito, Mingo Basso e o vice do Tribunal de Justiça desembargador dr. Arthur Marques da Silva Filho e o amigo Edgar de Jesus. O Ratto e o Castro Siqueira do clube ACRE. Aos queridos médicos Dr. Botene, Dr. Mani e dr. Adilson da Icon. Ao Ivan da Interglobe. O meu maior agradecimento a todos que me saudaram no Facebook pela passagem dos meus 71 anos. A todos meus leitores que generosamente me incentivam e estimulam a escrever meus artigos neste conceituado Jornal de Jundiaí. Gostaria muito em citá-los. A vida tem me ensinado que devemos lembrar sempre dos elogios que recebemos. Esquecer os insultos se puder. Guardar as lembranças de amor e jogar fora os velhos extratos bancários. Trabalhar duro para transpor os obstáculos da vida. Relaxar. Não perder tempo com a inveja e ansiedade. Dancem, mesmo que o único lugar que vocês tenham seja sua casa. Viajem. Ajude se puder, a quem necessita. Renovem suas forças. Acreditem. Façam uma criança sorrir. E do fundo do coração, os carinhosos votos que a felicidade sempre acompanhe sua caminhada. Aprendemos com a vida que o amor não vê defeitos, o amor procura o que há de melhor em cada um de nós, e ao encontrar, que sejamos felizes. Saúde, prosperidade e vida longa a todos vocês. Aos amigos leitores uma mágica e maravilhosa virada de ano. A minha família e minha querida neta bailarina Leticia, que as estrelas digam do meu amor por tudo me presenteiam desta vida. Que venha 2019.

GUARACI ALVARENGA é advogado. E- mail: guaraci.alvarenga@yahoo.com.br

GUARACI ALVARENGA


Link original: http://www.jj.com.br/opiniao/guaraci-alvarenga-que-seja-uma-magica-virada/
Desenvolvido por CIJUN