NA CIDADE

Jundiaí elege só um deputado estadual e perde representante no Congresso

O administrador de empresas Alexandre Pereira é o único deputado eleito por Jundiaí. O candidato do Solidariedade recebeu 48.969 votos (com 98,28% das urnas apuradas) e garantiu uma das 95 cadeiras da Assembleia Legislativa paulista. Pereira, de 38 anos, tem domicílio eleitoral em Jundiaí desde 2014.  Alexandre Pereira é nascido em Caieiras, passou a infância em Franco da Rocha e se mudou para Jundiaí há 20 anos. Entre suas principais bandeiras, o filho de Paulinho da Força lembra que realiza “trabalho grande no interior, ligado à agricultura familiar”.

O novo deputado paulista informa, ainda, que deve levar ao Governo do Estado tanto as demandas que ele colheu ao longo de reuniões realizadas com lideranças de bairros nos últimos meses, quanto as questões que forem apontadas, seja pelos prefeitos ou pelos vereadores dos municípios da Região. O deputado Eduardo Bolsonaro (PSL) teve a maior votação da história para um candidato à Câmara, com 1,8 milhão de votos (8,75% dos votos válidos).

Decepção
Jundiaí ficou sem nenhum representante no Congresso. O deputado federal Miguel Haddad (PSDB), que concorria à reeleição, obteve 85.672 votos, número que foi insuficiente. Outros concorrentes à Câmara dos Deputados que também não obtiveram sucesso foram Gerson Sartori (PDT), que recebeu 15.461 votos; Mariana Janeiro (PT), com 10.713 votos; Edney Duarte (Novo), com 12.100 votos; Marcelo Gastaldo (PTB), com 10.694 votos; e Cláudio Miranda (PRP), com 12.444 votos. Para a Assembleia Legislativa, os mais votados foram Gustavo Martinelli (PSDB), com 47.649 votos, e Pedro Bigardi (PDT), que recebeu 21.595 votos.

Foto: divulgação

COMENTE

Loading Facebook Comments ...

Comente

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *