Jornal de Jundiaí | https://www.jj.com.br

Enem 2020 terá recurso especial de leitura

Agência Brasil | 19/05/2020 | 08:00

Pessoas com deficiência visual poderão solicitar leitura em tela na prova do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) deste ano, programado para o mês de novembro. O recurso deve ser solicitado durante o processo de inscrição, na Página do Participante, no site do Enem, até sexta-feira (22).

De acordo com Ministério da Educação, um software possibilita a leitura de textos que estão na tela do computador, ao converter, por meio de voz sintetizada, tudo o que aparece escrito no monitor.

Com esse recurso, pessoas com cegueira, surdocegueira, baixa visão ou visão monocular têm mais autonomia porque podem ler a prova na ordem em que desejarem, repetir a leitura quantas vezes considerarem necessário ou retomarem uma questão no ponto em que escolherem. O software disponibilizado será o NVDA, e o sistema, o Dosvox.

A edição do Enem deste ano tem diversos recursos de acessibilidade. Todas as solicitações devem ser realizadas no ato da inscrição. Quem teve o laudo médico aceito em 2017, 2018 e 2019 não precisa de novo do documento, desde que a solicitação de atendimento seja a mesma dos anos anteriores.

O participante com deficiência auditiva, surdez ou surdocegueira deve informar, durante a inscrição, se usa aparelho auditivo ou implante coclear, o que dispensa a vistoria nos dias da prova, por parte do aplicador.

Já o Enem Digital terá aplicação-piloto e, por isso, não oferece recursos de acessibilidade em 2020.

Inscrições
Para participar do exame, os alunos devem entrar no site no site https://enem.inep.gov.br/ até sexta-feira e informar o número do CPF e do RG. Será criada uma senha de acesso que também permitirá verificar o cartão de confirmação e os resultados do candidato.

Além disso, é preciso ter um número de celular e um e-mail válidos para receber os comunicados do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep).

Pedidos de adiamento
Mesmo diante de pedidos para o adiamento das provas, por causa da pandemia do novo coronavírus, o presidente do Inep, Alexandre Lopes, afirmou que as datas estão mantidas, “por enquanto”.
Pelo cronograma inicial, a avaliação ocorrerá em:
– 1º e 8 de novembro: versão presencial
– 22 e 29 de novembro: versão digital (inédita)


Link original: https://www.jj.com.br/brasil-e-mundo/enem-2020-tera-recurso-especial-de-leitura/
Desenvolvido por CIJUN