Acervo

Jornalista afegã é morta a facadas


A jornalista afegã Palwasha Tokhi foi morta a facadas, segundo a rádio Bayan, onde ela trabalhava. De acordo com o diretor da rádio, Hafizullah Majidid, Tokhi atuava na área de mídia da força da Otan do Afeganistão e trabalhava em uma campanha contra o grupo Taleban.

De acordo com o “New York Times”, Tokhi é a 7ª jornalista a morrer no Afeganistão em 2014, sendo dois estrangeiros. Este seria o ano mais violento para jornalista desde a queda do Taleban, em 2001. Mais de 40 jornalistas no Afeganistão foram mortos desde 2001 e nenhum caso foi julgado. (FP)


Notícias relevantes: