Jornal de Jundiaí | https://www.jj.com.br

Miguel Haddad elenca investimentos

DA REDAÇÃO | 14/12/2018 | 05:01

Próximo ao final do seu mandato, o deputado federal Miguel Haddad (PSDB) resume sua atuação pelo Aglomerado Urbano de Jundiaí (AUJ) no Congresso e fala das perspectivas nacionais para a nova presidência. Como representante da região na Câmara Federal, indicou mais de R$ 53 milhões por meio de emendas parlamentares para as sete cidades do AUJ. Desse total, R$ 26 milhões já tiveram o repasse garantido pelo governo federal.
Em Jundiaí, foram destinados mais de R$ 12 milhões. O maior repasse foi ao Hospital São Vicente, no valor de R$ 6,5 milhões, para a compra de equipamentos e custeio da entidade. “Priorizamos o reforço dos equipamentos de saúde do AUJ, pois essa é uma forma de garantir que os cidadãos da região possam utilizar os serviços públicos de saúde”, destaca.
Houve ainda R$ 2 milhões para a Guarda Municipal e R$ 1,9 milhão para o Grendacc, além de mais R$ 2,5 milhões indicados para que a instituição receba o novo recurso em 2019. Outras entidades beneficentes, como o Instituto Luiz Braille, Apae, Ateal e o Centro de Reabilitação Jundiaí, receberam, juntas, quase R$ 1 milhão. Também foram indicados recursos para custeio da saúde municipal, pavimentação e construção de pista de skate.

Novo governo
Duas medidas chamaram mais a atenção de Miguel durante o período de formação do ministério do presidente eleito, Jair Bolsonaro. “Por um lado, as decisões nos deram esperança de avanços nas áreas da Justiça, Segurança e Economia. Porém, ficamos preocupados com a possibilidade de ampliação dos desmatamentos e com a posição retrógrada do País na questão do aquecimento global. Também fica aceso um alerta na questão da preservação dos direitos das minorias e na política que será adotada nas relações internacionais”, afirma Miguel.
O deputado acredita que a crise, em que pese os avanços conseguidos pelo presidente Michel Temer, não está superada, e aponta incertezas no cenário global. “A equipe econômica montada por Bolsonaro é capaz de enfrentar esses desafios. Resta saber se o amadorismo voluntarista dos outros setores do governo, que se mostram muitas vezes desconectados da realidade atual, não irá interferir na condução das medidas necessárias para sairmos definitivamente da crise e voltarmos a crescer”, conclui.

T_mh


Link original: https://www.jj.com.br/brasil-e-mundo/miguel-haddad-elenca-investimentos/
Desenvolvido por CIJUN