Acervo

Por coronavírus, Justiça autoriza prisão domiciliar para Roger Abdelmassih


A Justiça de São Paulo autorizou nesta terça-feira (14) a prisão domiciliar para o ex-médico Roger Abdelmassih devido à pandemia do novo coronavírus. Abdelmassih tem 76 anos e faz parte do grupo de risco da doença. Ele está preso na Penitenciária de Tremembé pelo estupro de 56 pacientes, entre 1995 e 2008, em sua clínica de reprodução. Ele foi condenado a mais de 181 anos de prisão. Em outubro do ano passado, o ex-médico, que estava em prisão domiciliar, teve o benefício revogado e retornou à penitenciária.

Notícias relevantes: