Acervo

Vacinação: Campanha atinge 36% do público

T_vacina-idoso
Crédito: Reprodução/Internet
Iniciada no dia 16 de abril e com previsão de terminar nesta sexta-feira (8), a segunda fase da Campanha Nacional de Vacinação contra a gripe atingiu apenas 36% (ou 5,6 milhões de pessoas) do público-alvo em todo o país. Segundo o Ministério da Saúde, a meta era de 90%. Em Jundiaí, na primeira fase da campanha, voltada para idosos, mais de 18,9 milhões foram vacinados, o que corresponde a 90,66% deste público. No caso dos trabalhadores da saúde, esse segmento registrou 3,8 milhões de profissionais imunizados, o que corresponde a apenas 75,5% da meta mais seis polos fixos foram abertos na cidade, principalmente para atender idosos, portadores de doenças crônicas, profissionais da saúde, profissionais das forças de segurança e salvamento, caminhoneiros, motoristas de ônibus e cobradores. Faltam pelo menos 10 milhões de pessoas do grupo prioritário pretendido pela campanha nacional para esta fase, focada em povos indígenas, caminhoneiros, motoristas e cobradores de transportes coletivos, trabalhadores portuários, membros das forças de segurança e salvamento; pessoas com doenças crônicas e outras condições clínicas especiais; adolescentes e jovens de 12 a 21 anos sob medidas socioeducativas; população privada de liberdade e funcionários do sistema prisional. A terceira fase da campanha será iniciada na próxima segunda-feira (11) e terá duas etapas. Entre 11 e 17 de maio terá, como público-alvo, pessoas com deficiência; crianças de 6 meses a menores de 6 anos; gestantes; e mães no pós-parto até 45 dias.

Notícias relevantes: