Jornal de Jundiaí | https://www.jj.com.br

Veículos brasileiros terão nova placa seguindo padrão do Mercosul

DA FOLHAPRESS - redacao@jj.com.br | 08/03/2018 | 01:15

Até 2023, toda a frota brasileira terá que trocar as atuais placas de identificação do veículo por outras que seguem o padrão dos países do Mercosul. A resolução, que deve ser publicada no “Diário Oficial” da União (DOU) desta quinta-feira (8), determina que os carros novos adotem a nova placa até 1º de setembro de 2018. A placa no padrão Mercosul deve ser usada em todos os veículos do país até 31 de dezembro de 2023. De acordo com a resolução, o órgão de trânsito de cada estado determinará a data de início da implementação da nova placa. As placas terão fundo branco com margem superior azul, contendo, ao lado esquerdo, o logotipo do Mercosul. Ao lado direito, ficará a bandeira do Brasil e, ao centro, o nome do país. Do lado direito, haverá ainda a bandeira do estado, o brasão do município e o nome da cidade. O atual modelo com três letras e quatro números será substituído por outro com sete caracteres alfanuméricos (letras e números), com combinação aleatória que será fornecida e controlada pelo Denatran (Departamento Nacional de Trânsito). O último caractere da placa será sempre um numeral. Ou seja, o atual modelo BRA-0317 (fictício) deixa de existir. O novo será, por exemplo, BRA0S17. Segundo a resolução, as placas terão um chip e código de barras bidimensionais dinâmicos, os chamados QR code, e precisam ser homologadas junto ao Denatran. A cor dos caracteres alfanuméricos e das bordas da placa de identificação veicular será determinada de acordo com a categoria dos veículos: preta para carros particulares; vermelha para comerciais; azul para carro oficial ou de representação; dourada para diplomático/consular; verde para especiais (experiência e fabricantes de veículos, peças e implementos); e cinza prata para veículos de coleção.

VEJA O MODELO

csm_placa_mercosul_ece4a630ae


Link original: https://www.jj.com.br/brasil-e-mundo/veiculos-brasileiros-terao-nova-placa-seguindo-padrao-do-mercosul/
Desenvolvido por CIJUN