Cultura

Coala Festival é adiado para 2022


DIVULGAÇÃO
A cantora Maria Bethânia estava na lista das convidadas para o festival
Crédito: DIVULGAÇÃO

O Coala Festival confirmou o adiamento de sua oitava edição para os dias 17 e 18 de setembro de 2022, por causa da pandemia de covid-19.

Marcado inicialmente para 11 e 12 de setembro deste ano, o evento no Memorial na América Latina tem confirmados na programação, até o momento, Maria Bethânia, Gal Costa (com participação de Tim Bernardes e Rubel), Alceu Valença e Black Alien.

"Quando anunciamos a nossa oitava edição, ainda era possível sonhar com um cenário que nos permitiria soltar o grito contido e dar vazão ao nosso tão grande anseio por música ao vivo", diz em nota Gabriel Andrade, sócio-fundador e curador do Coala Festival.

Segundo a organização, mais de 90% dos ingressos já foram vendidos e eles seguem válidos para 2022.

Os tíquetes ainda estão disponíveis pelo site Total Acesso, com preços que variam de R$ 245 a R$ 490.

Dúvidas podem ser sanadas, diz o festival, diretamente com o SAC do site de ingressos.

Em 2020, por causa da pandemia do novo coronavírus, o Coala realizou uma edição virtual. Foi a primeira vez que o festival criado em 2014 não foi no Memorial da América Latina.

Em oito horas de programação, passaram pelo palco nomes como Gilberto Gil com o trio Gilsons, formado pelo filho José Gil e pelos netos Francisco e João Gil, e os Novos Baianos com uma homenagem a Moraes Moreira, ex-integrante do grupo que morreu em abril do ano passado.

A oitava edição do Coala seria realizada no mesmo fim de semana do Lollapalooza, que também já foi remarcado para março de 2022.

(Folhapress)


Notícias relevantes: