Cultura

Drama virtual faz estreia amanhã


DIVULGAÇÃO
No drama, João e Nicolas tentam encontrar sua verdadeira essência
Crédito: DIVULGAÇÃO

O experimento cênico 'Transe', que estreia virtualmente amanhã (17), põe em cena conflitos de personalidade a partir da história de um garoto que cria um personagem de si mesmo ao entrar na prostituição. Os ingressos são gratuitos pela Sympla.

A criação de personas se faz necessária para que o indivíduo se adapte ao mundo e mantenha relacionamentos saudáveis, mas o problema é quando sua essência começa a se perder e você já não sabe mais quem é. Com roteiro de Pedro Henrique Lopes e direção de Diego Morais, a obra é baseada em relatos reais de garotos de programa e suas experiências na criação de múltiplos personagens para exercer a profissão.

O drama acompanha o embate entre João, interpretado por Pedro Henrique Lopes, um jovem inseguro com sua aparência e receoso de seus desejos, e Nicolas, interpretado por Oscar Fabião, um garoto de programa extravagante e cheio de luxúria.

As crises, vozes, alucinações e o fato de não se reconhecer afetam o modo de pensar, sentir e agir de João. Numa espécie de transe, João e Nicolas mergulham um no outro para tentar encontrar sua verdadeira essência. A obra discute tabus sobre sexualidade e saúde mental.

O autor e ator Pedro Henrique Lopes quis criar uma trama de embate entre duas personalidades. "Eu queria fugir do óbvio conflito maniqueísta entre entre o anjinho e o diabinho. Colocamos em oposição momentos diferentes da carreira do protagonista e questionamos o quanto as nossas inseguranças nos impedem de viver como queremos", analisa.

VIRTUAL

Disponível para ser assistido em qualquer horário entre 17 de junho e 18 de julho, o drama 'Transe' tem ingressos gratuitos com retirada pelo site https://www.sympla.com.br/transe__1226473

 


Notícias relevantes: