Jornal de Jundiaí | https://www.jj.com.br

Conversa de Botequim se apresenta com Moacyr Luz

DA REDAÇÃO | 14/08/2019 | 07:00

O Grupo Conversa de Botequim, com mais de 11 anos de estrada, convida um dos maiores nomes do samba da história, Moacyr Luz para apresentação no Sesc Jundiaí no próximo domingo (18), às 17h30.

Com 13 CDs no currículo, já foi gravado por grandes nomes como Alcione, Beth Carvalho, Zeca Pagodinho, Maria Bethânia, Leila Pinheiro e muitos outros.

No show o Grupo abre tocando artistas que os influenciaram, e convidam ao palco Moacyr para desfilar seus maiores sucessos: “Cabô meu Pai”, “Pra que Pedir Perdão”, “Saudades da Guanabara”, “Benza Deus” e outros.

Conversa de Botequim
O Grupo Conversa de Botequim é formado por músicos de São Carlos e Araraquara, e tem como propósito a pesquisa sobre o universo da música popular brasileira com foco principal no samba.

Formado em outubro de 2007, seus integrantes trazem na bagagem as diversas experiências de outros grupos de samba e choro.

Em suas apresentações o grupo destaca a importância dos compositores, e também conta um pouco da história que envolve o repertório.

Alguns dos artistas inseridos no repertório e que fazem parte dos estudos e pesquisas do grupo são Noel Rosa, Pixinguinha, Waldir Azevedo, Cartola, Nelson Cavaquinho, Noel Rosa, Paulinho da Viola, Moacyr Luz, Jackson do Pandeiro, Paulo Vanzolini, Adoniran Barbosa e Wilson das Neves.

Moacyr Luz
Moacyr Luz faz parte de um grupo de artistas cuja obra não conhece fronteiras. O carioca de 60 anos, carinhosamente conhecido como ‘Moa’ entre o meio artístico, chega à virada de 2018 para 2019 em um momento especial de sua carreira. Autor de clássicos da música brasileira como “Saudades da Guanabara”, “Coração Agreste” e “Pra Que Pedir Perdão?”, Moa tem sua trajetória marcada por parcerias com alguns dos maiores nomes da música brasileira, poetas do quilate de Aldir Blanc, Martinho da Vila, Nei Lopes, Wilson Moreira, Wilson das Neves, Paulo César Pinheiro e Luiz Carlos da Vila.

Criador e líder do Samba do Trabalhador, movimento de resistência cultural que está consolidado na geografia musical do país, Moa tem a cabeça fervilhando de ideias.

Artista prolífico, Moacyr não para. Após ver centenas composições suas virando hinos nas rodas de samba, ou entrando para o repertório de grandes intérpretes da MPB, como, Maria Bethânia, Nana Caymmi, Beth Carvalho, Zeca Pagodinho e Leila Pinheiro, Moa segue um ritmo de criação insaciável, que tem seu ponto alto em 2019.

Serviço:
Quando: 18 de agosto, domingo, às 17h30
Onde: Sesc Jundiaí
Quanto: Grátis


Leia mais sobre |
Link original: https://www.jj.com.br/cultura/conversa-de-botequim-se-apresenta-com-moacyr-luz/
Desenvolvido por CIJUN