Cultura

Encontros on-line ouvem núcleos culturais


Quais as dificuldades do setor cultural em Jundiaí, em tempos de pandemia, o que a administração municipal está fazendo para enfrentá-las? Estas e outras questões foram debatidas em reuniões online com artistas de várias áreas, tendo à frente o gestor de Cultura, Marcelo Peroni. “Nossa intenção foi ouvi-los para saber como estão nesse período, quais as maiores dificuldades e apresentar algumas das coisas que já estamos fazendo na área para o enfrentamento dessa situação de crise”, explica. Participaram das reuniões membros do Conselho Municipal de Política Cultural, artistas independentes e grupos. Foram ouvidos representantes das áreas de literatura e teatro e os da área de música. Cada reunião tem um limite de 15 participantes. Mais reuniões, com outros segmentos, serão realizadas ao longo da semana, todas com o número de vagas de participantes esgotadas. A primeira providência tomada foi a dar continuidade aos contratos estabelecidos com artistas e demais profissionais criativos que já tinham compromissos firmados para o ano de 2020, de modo que todos tivessem a garantia de seus recebimentos nesse período. Também foram mantidos os contratos dos 18 “oficineiros” que estão produzindo os conteúdos do #fiqueemcasa da cultura clicando aqui. Já o edital da III Expoartes, voltado para artistas visuais, que havia sido suspenso foi revisto após a pandemia e republicado no dia 17 de abril, com novos prazos e com inscrições on-line.

Notícias relevantes: