Jornal de Jundiaí | https://www.jj.com.br

Globo exibe hoje último capítulo da trama ‘O Sétimo Guardião’

FOLHAPRESS | 17/05/2019 | 08:40

Quando estreou na Globo, a novela “O Sétimo Guardião” apresentou ao espectador a história de sete pessoas que se dividiam na missão de proteger uma fonte de água misteriosa na cidade fictícia de Serro Azul. Nesta sexta-feira (17), seis meses depois, a mesma trama chega ao fim com todos os membros da irmandade original mortos e a tal fonte, seca.

O desfecho sugere uma mudança de rumo no folhetim após uma série de percalços que acompanharam a trama desde o início. Além de problemas nos bastidores como supostas traições envolvendo atores do primeiro escalão, especialistas apontam falhas que vão desde a disputa por direitos autorais até o descompasso entre o autor Aguinaldo Silva e a direção.

A aposta, assim, é que o capítulo final da trama seja pouco usual, com a possível morte do protagonista Gabriel (Bruno Gagliasso) e um fim solitário para a mocinha Luz (Marina Ruy Barbosa). Uma dúvida paira sobre os vilões Olavo (Tony Ramos) e Valentina (Lilia Cabral), e a expectativa é que a personagem Judith (Isabela Garcia) seja revelada como a serial killer dos guardiões.

Na avaliação de Claudino Mayer, doutor em ciências da comunicação pela USP (Universidade de São Paulo), o diretor Rogério Gomes optou por um estilo que pode ter colaborado para o distanciamento do público, com ritmo lento, cenas longas e personagens que pouco têm a ver com o dia a dia.

Ele aponta a personagem de Marina Ruy Barbosa como uma das poucas que conseguiu manter uma proximidade maior com o mundo real, mas conclui que “O Sétimo Guardião” não foi uma trama de protagonistas, mas sim de coadjuvantes que ganharam destaque no decorrer da história.

“Ela foi uma garota marcante. Jovem, perseverante, plugada com esse mundo real. Mas a novela se sustentou com os personagens coadjuvantes”, diz Mayer, citando Mirtes (Elizabeth Savalla), Letícia Spiller (Marilda), Isabela Garcia (Judith) e Afrodite (Carolina Dieckmann).

Cerca de quatro meses após o início da novela, contam os especialistas ouvidos pela reportagem, o autor Aguinaldo Silva afastou a trama do roteiro inicial e passou a dar mais destaque a esses personagens secundários. O núcleo da fonte e dos guardiões perdeu força, resultando na morte de integrantes da irmandade.

T_gabriel


Link original: https://www.jj.com.br/cultura/globo-exibe-hoje-ultimo-capitulo-da-trama-o-setimo-guardiao/
Desenvolvido por CIJUN