Jornal de Jundiaí | https://www.jj.com.br

Mostra que comemora Direitos Humanos entra em cartaz

Da redação | 15/08/2019 | 08:00

Para comemorar os 70 anos da Declaração Universal dos Direitos Humanos (DUDH), a rede Sesc São Paulo, em parceria com o Instituto Vladimir Herzog e com apoio do Acervo Otávio Roth, promove a exposição ‘Para Respirar Liberdade – 70 Anos da Declaração Universal dos Direitos Humanos’ esse mês no Sesc Jundiaí. Com obras do artista plástico e ativista político Otávio Roth, internacionalmente reconhecido por sua atuação voltada ao tema dos Direitos Humanos, a mostra itinerante fica em cartaz até janeiro de 2020.

A exposição reunirá obras de Otávio Roth, entre elas a icônica representação gráfica dos 30 artigos da Declaração, produzidos em xilogravura de grandes dimensões sobre papel artesanal confeccionado pelo próprio artista. Desde 1981, três álbuns da mesma série estão em exposição permanente nas sedes da ONU de Nova Iorque, Genebra e Viena. Com curadoria de Fábio Magalhães e Isabel Roth, a mostra contará também com a montagem da instalação “População II”, livremente inspirada em “População” e “O Jardim”, e com a instalação itinerante de arte participativa “A Árvore”, cuja montagem mobilizou diretamente 70 mil crianças brasileiras.

A obra de Otávio Roth é permeada por valores humanistas, voltados à promoção da ética, paz e respeito ao meio-ambiente. Ainda que complexos, Otávio abordava esses temas de forma leve, convidando crianças e adultos a uma reflexão cidadã. Suas grandes instalações de arte participativa engajavam um público plural em torno dos valores que desejava propagar, como a reflexão entre o indivíduo e a comunidade, a noção de pertencimento social e o entendimento dos problemas comuns que devemos enfrentar.

Direitos Humanos
A Declaração é um documento ilustre aprovado pela Assembleia Geral das Nações Unidas em 10 de dezembro de 1948, que estabelece direitos básicos e comuns a todos os seres humanos. Composta por 30 artigos, ela surge como uma resposta às atrocidades cometidas ao longo da Segunda Guerra Mundial, crimes contra a humanidade, como a perseguição de minorias, práticas de tortura e genocídio, que levaram milhares de cidadãos à morte em atos de barbárie e selvageria.

Setenta anos depois, a exposição ‘Para Respirar Liberdade’ reitera a importância e a urgência dos princípios declarados na carta, buscando que seus visitantes reflitam sobre o contexto político de inúmeros retrocessos de direitos sociais no Brasil.

Serviço:
Quando: De 30 de agosto a 5 de janeiro de 2020. Terças a sextas, das 9h às 21h30. Sábados, domingos e feriados, 10h às 18h30
Onde: Área de Exposições do Sesc Jundiaí
Quanto: Gratuito | Livre


Leia mais sobre
Link original: https://www.jj.com.br/cultura/mostra-que-comemora-direitos-humanos-entra-em-cartaz/
Desenvolvido por CIJUN