Jornal de Jundiaí | https://www.jj.com.br

Peça conta história de Jundiaí

DA REDAÇÃO | 25/09/2019 | 09:00

Alunos de escolas públicas de Jundiaí assistem hoje (25) e nas próximas quartas (2 e 9 de outubr0), às 10h30 e às 16 horas, à peça ‘Ser Tão de Origem’, apresentada pelo Ministério da Cidadania e Instituto CCR, com apoio da CCR AutoBAn, concessionária que administra o Sistema Anhanguera-Bandeirantes e integra o Programa de Concessões Rodoviárias do Estado de São Paulo.

O espetáculo propõe uma reflexão sobre a história de Jundiaí e região a partir de textos poéticos e cômicos.
As apresentações serão na Sala Jundiaí, na avenida União dos Ferroviários, 1760, e também são abertas à comunidade.

‘Ser Tão de Origem’ foi inspirado na história de Jundiaí (chamada de Mato Grosso de Jundiahy ou Sertão de Jundiahy), município fundado em 1655 em uma área que hoje abrange dezenas de municípios da região.

Por isso, ao contar a história de Jundiaí, automaticamente se fala também da história de outras cidades, como Várzea Paulista, Louveira e Itupeva, por exemplo. “Para este efeito ser maior, o texto não faz menção ao nome de nenhuma cidade; falamos apenas cidade ou terra”, explica Tábata Makowski, uma das idealizadoras do projeto e responsável pela dramaturgia.

A peça propõe uma reflexão sobre a cidade que fundamos a cada dia, a partir de nossas ideias, nossas lutas, nossas obras. “O que mais nos interessa nesta peça não é fazer uma reconstrução histórica da fundação de Jundiaí e nem uma homenagem nostálgica aos seus possíveis fundadores; mas, sim, propor um chamado para o presente e o futuro, para nos conscientizarmos sobre o fato de que fundamos/construímos uma (nova) cidade a cada dia, a partir de nossas propostas, nossas lutas, nossas obras”, diz Caroline Ungaro, parceira de Tábata na concepção do espetáculo teatral.


Leia mais sobre
Link original: https://www.jj.com.br/cultura/peca-conta-historia-de-jundiai/
Desenvolvido por CIJUN