Jornal de Jundiaí | https://www.jj.com.br

‘Se o Brasil ganhar, nosso lucro será melhor’

| 01/06/2014 | 00:15

O empresário Lucas Buiochi está à frente de uma loja de fogos de artifício na Vila Rio Branco e torce duas vezes pela conquista do hexa: uma delas como torcedor; a outra, como empresário.

Ele investiu alto em enfeites, cornetas, bandeiras, tinta de cabelo e outros diversos itens que fazem alusão à Copa. Mas, para vender tudo, espera que a seleção chegue à final. “Na outra Copa, com a eliminação do Brasil antes, acabou sobrando produtos na loja, que tenho até hoje e tentarei vender agora”, explica Lucas. Ao todo, ele acredita ter pelo menos 20 produtos voltados à Copa. O que mais espera vender é a famosa vuvuzela, com cinco mil unidades compradas e vendidas a R$ 4 cada.

Com a Copa e a festa junina, a expectativa de Lucas é aumentar em  30% a 40% as vendas em junho.


Link original: https://www.jj.com.br/economia/%c2%91se-o-brasil-ganhar-nosso-lucro-sera-melhor%c2%92/
Desenvolvido por CIJUN