Economia

Especialistas comentam sobre alta ou queda do dólar em 2022

As eleições presidenciais no Brasil neste ano podem gerar incertezas sobre os rumos da economia


DIVULGAÇÃO
Especialistas comentam sobre alta ou queda do dólar em 2022
Crédito: DIVULGAÇÃO

Especialistas dizem que o aumento da taxa básica de juros no Brasil, a taxa Selic, vai dar alguma ajuda ao real, mas esse fator deve ser anulado pela mudança da política monetária dos Estados Unidos, onde o Federal Reserve (Fed, o banco central americano) vai retirar dinheiro de circulação e começar a subir juros.

Além disso, apontam economistas, as eleições presidenciais no Brasil neste ano podem gerar incertezas sobre os rumos da economia do país, o que tende a reduzir a entrada de dólares aqui e a estimular a busca por proteção na moeda americana.

Qual o valor médio estimado para o dólar?

O dólar vai continuar cotado acima de R$ 5,50 ao longo do próximo ano, segundo projeções de economistas . As estimativas apontam para uma moeda americana em 2022 variando entre R$ 5,50 a R$ 5,80.

As projeções feitas por economistas de mais de cem instituições financeiras e consultorias para o Boletim Focus do Banco Central apontam que o dólar vai encerrar 2022 cotado a R$ 5,55, em um cenário em linha com as expectativas dos economistas.

A confirmação dessas expectativas representa um dólar médio em 2022 mais forte que este ano, mantendo uma tendência que vem ocorrendo desde 2011.

"O dólar está acima do patamar que seria o natural para os fundamentos da economia brasileira, mas temos o problema da política fiscal [gastos do governo], as eleições no Brasil e a expectativa de alta dos juros nos Estados Unidos. Então não vejo espaço para um dólar abaixo de R$ 5,50", comenta o economista Joelson Sampaio.

O dólar entrou em 2020 valendo R$ 5,20, enquanto na entrada de 2022 a moeda americana está perto da casa de R$ 5,60.

Além disso, a moeda americana chegou a operar ao redor de R$ 5 ao longo de junho, tendo ficado abaixo de R$ 5,50 durante todo o terceiro trimestre. Um cenário considerado menos provável para 2022, apontam especialistas.

Veja a cotação média do dólar nos últimos anos

2010: R$ 1,76

2011: R$ 1,68

2012: R$ 1,96

2013: R$ 2,16

2014: R$ 2,36

2015: R$ 3,39

2016: R$ 3,49

2017: R$ 3,19

2018: R$ 3,66

2019: R$ 3,95

2020: R$ 5,16

2021: R$ 5,37 (até novembro) (Fonte: Ipea)


Notícias relevantes: