Jornal de Jundiaí | https://www.jj.com.br

26,5% dos contribuintes já entregaram declarações

| 04/10/2014 | 10:18

O mês de abril é o mais movimentado para a contadora Leila Poletto. “É trabalho dobrado o mês inteiro. E 30 de abril é, sem dúvida, o dia em que eu mais trabalho no ano”, conta. Em Jundiaí e Região, 26,5% dos contribuintes entregaram suas declarações do Imposto de Renda Pessoa Física (IRPF) no primeiro mês do prazo.

Os demais terão até o dia 30 de abril para acertar as contas com o leão. De acordo com a regional de Jundiaí da Receita Federal, das 115 mil declarações aguardadas para o município, 30.561 foram entregues. Na Região são aguardadas 365 mil declarações e até o dia 6 de abril apenas 95.682 contribuintes haviam entregado os documentos.

Os números acompanham as estatísticas nacionais: até 6 de abril 7,3 milhões de contribuintes enviaram a Declaração do Imposto de Renda à Receita Federal, o que representa 27% dos 27 milhões de declarações que o fisco espera receber neste ano. Na Região, a estatística também não é diferente. Segundo o delegado titular da regional de Jundiaí da Receita Federal, Antônio Roberto Martins, as pessoas costumam deixar o acerto de contas para a última hora.

“Acreditamos que depois do feriado da semana que vem as entregas de documentações serão intensificadas”, afirma. A contadora Leila explica que quem demora a fazer a declaração são as pessoas físicas. “As pessoas jurídicas agora fazem declarações mensais. Todo mês nos entregam notas e vamos fazendo o relatório, depois é só juntar e fazer o relatório anual. Não é de última hora”, explica.

Hoje ela tem 100 clientes fixos, mas estima fazer mais de 250 declarações até o final do prazo. Até agora, 150 pessoas já entregaram documentos a seus cuidados. “Eu costumo fazer tantas declarações quanto o site me permite.” Ela conta com outros seis profissionais para auxiliá-la no serviço.

É o caso da turismóloga Karen Almeida, que trabalha com contabilidade há sete anos. “Nessa época a gente dorme pouco e trabalha muito”, relata. Os escritórios contábeis cobram de R$ 100 a R$ 200 para fazer a declaração do imposto de renda.

RESTITUIÇÕES
Na Região, 49% dos contribuintes receberam restituições no ano passado. Das 361.300 declarações entregues até o dia 31 de dezembro de 2013, 167.925 foram restituídas, conforme dados divulgados pela Receita.

INADIMPLÊNCIA
Embora não tenha dados disponíveis para divulgação, o delegado Antônio Roberto Martins alega que o número de inadimplentes em Jundiaí e Região é muito grande. “Hoje está tudo ligado ao CPF. Se ele deve para a Receita pode se prejudicar de outra forma. Pode suspender as operações de banco, por exemplo.” Segundo ele, se a pessoa entrega com atraso está sujeita a uma multa proporcional ao valor do imposto. “É 1% por mês, sendo que o valor mínimo é de R$ 168.”


Link original: https://www.jj.com.br/economia/265-dos-contribuintes-ja-entregaram-declaracoes/
Desenvolvido por CIJUN