Jornal de Jundiaí | https://www.jj.com.br

57% da terceira idade não guarda dinheiro

| 14/10/2014 | 22:38

Uma pesquisa encomendada pelo Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) e pelo portal de educação financeira Meu Bolso Feliz revelou que 57% dos brasileiros chegam à terceira idade sem qualquer reserva de dinheiro.

Segundo o relatório, apesar de 72% dos consumidores com mais de 60 anos afirmarem ter uma situação financeira estável, essa tranquilidade não é a mesma quando o assunto é uma poupança para situações emergenciais.

O economista jundiaiense Mariland Righi explica que esse cenário é fruto de um otimismo exagerado que tomou conta do Brasil nos últimos anos. “Falou-se muito que a inflação está sob controle e que a economia vai crescer. O incentivo ao consumo tem sido muito grande e o resultado é que não sobra dinheiro para poupar”, diz.

Ele cita o baixo valor das aposentadorias dos brasileiros como outro agravante. “Mas o mais importante a ser destacado é a necessidade de uma mudança de comportamento entre os consumidores, incluindo os da terceira idade. As pessoas se endividam sem necessidade. Assumir dívidas é algo que deve ser feito somente em caso de muita necessidade”, aconselha.

Família – Segundo dados do estudo, a preocupação com os familiares é um dos principais motivos para os consumidores com mais de 60 anos não conseguirem manter uma poupança para imprevistos: 47% dos entrevistados declarou que pensa no futuro da família e acaba deixando de fazer coisas que gostaria para manter uma reserva financeira.

Exceção à regra – A aposentada jundiaiense Elza Vilar pode ser considerada uma exceção. Aos 65 anos, ela afirma que tem uma boa reserva para emergências e garante que sua vida financeira está estável atualmente. “Não é tão difícil assim. Basta saber a hora de comprar. As pessoas compram coisas que não precisam e caem em armadilhas de parcelamentos e juros. Eu acho que é possível, sim, trabalhar a vida inteira e economizar um pouco para o futuro. É uma questão de consumir de forma consciente”, diz Elza.


Link original: https://www.jj.com.br/economia/57-da-terceira-idade-nao-guarda-dinheiro/
Desenvolvido por CIJUN