Jornal de Jundiaí | https://www.jj.com.br

Bancos já oferecem crédito para antecipação do IR 2018

NIZA SOUZA - csouza@jj.com.br | 21/03/2018 | 04:15

O prazo de entrega do Imposto de Renda pessoa física 2018 vai até 30 de abril. Mas os principais bancos já oferecem linhas de crédito para clientes que enviaram a declaração e têm valores a restituir. É a chamada antecipação da restituição. As taxas de juros oferecidas este ano são a partir de 1,79% ao mês. Os juros variam em cada instituição financeira conforme o perfil de risco do cliente e o relacionamento dele com o banco.
Essas linhas são atrativas porque costumam oferecer juros mais baixos do que os cobrados em outros empréstimos, como o consignado para funcionários privados, por exemplo. Entretanto, antes de optar pela antecipação do IR “é preciso ter em mente que se trata de um empréstimo, que gera juros”, alerta o educador financeiro Reinaldo Domingos, presidente da Abefin (Associação Brasileira de Educadores Financeiros).

Ele orienta o contribuinte a, primeiro, fazer as contas e avaliar se compensa fazer a antecipação. “Deve-se levar em conta que empréstimos geram juros. Por exemplo, se for para cobrir o cheque especial ou pagar o cartão de crédito, que têm juros altíssimos, é interessante”, explica, lembrando que empréstimos com garantias, como é o caso do imposto de renda, os juros são mais baixos.
Domingos chama a atenção também para o preenchimento da declaração. “Antes de pedir a antecipação, o contribuinte deve ter certeza de que está tudo correto, para não correr o risco de cair na malha fina”, explica. O empréstimo é quitado quando a Receita Federal deposita o valor da restituição na conta do contribuinte. Os lotes começam a ser pagos em junho e vão até dezembro. “Se o contribuinte não receber nesse prazo, isso pode gerar uma outra dívida para ele, porque o banco vai cobrar esse empréstimo”, destaca.
O educador financeiro lembra ainda que, apesar de ser um empréstimo com garantias, o cliente precisa estar adimplente. “Quem está com alguma restrição de crédito não consegue fazer a antecipação do IR”, informa.

Confira as condições oferecidas pelos principais bancos. Lembrando que é preciso indicar a instituição financeira na declaração.
– Bradesco: Taxas a partir de 1,79% ao mês. O cliente pode antecipar até 100% do valor da restituição, com valor máximo de R$ 50 mil;
– Banco do Brasil: Juros a partir de 1,89% ao mês. Antecipação de até 100% do valor a restituir, com prazo máximo para pagamento até 15 de janeiro de 2019;
– Santander: As taxas podem variar de 1,99% a 4,36% ao mês. É possível antecipar até 100% da restituição;
– Caixa Econômica Federal (CEF): Taxas a partir de 2,1% ao mês, com cota máxima de 75% do valor;
– Itaú-Unibanco: Taxas de juros a partir de 3,13%. É possível antecipar até 100% do valor a restituir.


Link original: https://www.jj.com.br/economia/bancos-ja-oferecem-credito-para-antecipacao-do-ir-2018/
Desenvolvido por CIJUN