Jornal de Jundiaí | https://www.jj.com.br

Calçadistas apostam nas vendas da Francal

| 13/07/2014 | 00:00

Após um semestre fraco por causa do baixo crescimento econômico e da Copa do Mundo, a indústria calçadista vê na 46ª Francal (Feira Internacional da Moda em Calçados e Acessórios) a chance para “salvar” o ano. A feira será realizada entre terça (15) e sexta-feira (18) no Anhembi, em São Paulo.

“Com a Francal, a expectativa é que o mercado retome a normalidade e recupere os péssimos resultados do primeiro semestre”, disse o presidente da Abicalçados (associação das indústrias de calçados), Heitor Klein. Ele disse que o consumo do País foi inibido pela alta da inflação, taxas de juros elevadas, Carnaval tardio, menos dias de comércio aberto por causa dos jogos da seleção brasileira e feriados.

Dados da associação apontam que o valor das exportações brasileiras no primeiro semestre deste ano caiu 2,5% em relação ao mesmo período de 2013: de US$ 536 milhões para US$ 522 milhões. O número de empregos diminuiu 1,9%. Nos cinco primeiros meses de 2013 estavam empregadas 352 mil pessoas na indústria. Em 2014, o número caiu para 345 mil.

Antoniel Marrachine Lordelo, presidente da Ablac (associação de lojistas), disse que a indústria calçadista vive um “momento difícil”. Ele afirmou que a Copa atrapalhou as vendas no Brasil inteiro. “Tivemos três jogos da seleção durante a semana. Isso é ruim. E o evento também fez com que as famílias gastassem com outras coisas”, disse.


Link original: https://www.jj.com.br/economia/calcadistas-apostam-nas-vendas-da-francal/
Desenvolvido por CIJUN