Jornal de Jundiaí | https://www.jj.com.br

Comércio de Jundiaí espera aumento de até 6,5% nas vendas de Natal

DA REDAÇÃO | 17/12/2018 | 18:44

Os comerciantes estão otimistas com a projeção de aumento nas vendas de Natal na região de Jundiaí. A estimativa é de que vendas apresentem um resultado até 6,5% melhor do que o registrado em 2017, de acordo com levantamento feito pelo Sindicato do Comércio Varejista de Jundiaí e Região (Sincomercio). A pesquisa também revelou que os consumidores pretendem gastar entre R$ 100 a R$ 150 com presentes e os produtos para crianças estão entre os mais procurados.

Os dados da pesquisa do Sincomercio Jundiaí seguem a projeção feita pela Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de São Paulo (FecomercioSP) que estima para dezembro um resultado 6% melhor do que o registrado em 2017 nas vendas do comércio varejista na região de Jundiaí, atingindo R$ 4 bilhões. O valor é R$ 219 milhões superior ao apurado em dezembro de 2017, que já foi 1% maior do que dezembro de 2016.

Para o ano de 2018, as vendas devem atingir um montante de R$ 40,4 bilhões, alta real de 5% em relação a 2017, quando o faturamento foi de R$ 38,6 bilhões, 5% superior ao ano anterior. Dessa forma, a região de Jundiaí terá a quinta maior participação nas vendas do varejo paulista entre as 16 regiões avaliadas pela Pesquisa Conjuntural do Comércio Varejista no Estado de São Paulo (PCCV), sendo responsável por 6% do faturamento anual total.

Para Edison Maltoni, presidente do Sincomercio e da Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) Jundiaí, a perspectiva de aumento nas vendas tem como base o reflexo da melhora economia e benefícios de fim de ano, como o pagamento da segunda parcela do 13º salário e as contratações no comércio varejista. “O Natal representa a melhor data para o comércio e, por isso, os comerciantes estão otimistas e investem em ações para atrair os consumidores. Esperamos o aumento nas vendas nesta semana, inclusive por conta do pagamento da segunda parcela do 13º salário que reflete positivamente no cenário”, avalia.

Entre as ações promovidas pelo Sincomercio e CDL Jundiaí para atrair consumidores de toda a Região ao comércio local, ele destaca o horário de atendimento estendido nas lojas das 9h às 22h de segunda a sexta-feira, e aos sábados e domingos das 9h às 18h. Nas vésperas dos feriados, nos dias 24 e 31 de dezembro, o comércio funcionará também no período das 9 às 18h.

Com o objetivo de oferecer entretenimento aos consumidores, de segunda a sexta-feira, das 14 às 20h, e aos sábados e domingos, das 10 às 16h, a população poderá passear pelas ruas do centro no trenzinho ‘Expresso da Alegria’ que parte da Praça Ruy Barbosa. E até o dia 23 de dezembro, os personagens da Trupe de Natal visitarão os comércios de bairros de Jundiaí, a partir das 14h. Confira a programação: Centro (18), Eloy Chaves (19), Vila Rio Branco (20), Vila Hortolândia (21), Ponte São João/Colônia (22), Centro (23).

Rui Carlos

Rui Carlos


Link original: https://www.jj.com.br/economia/comercio-de-jundiai-espera-aumento-de-ate-65-nas-vendas-de-natal/
Desenvolvido por CIJUN