Economia

Mulheres representam 55% dos profissionais em áreas técnicas


2014-09-19_19-24-15_1
Crédito: Reprodução/Internet

Dados da Relação Anual de Informações Sociais (Rais), do Ministério do Trabalho e Emprego, mostram que a mão de obra feminina lidera setor técnico no mercado de trabalho, as mulheres representam 55% da mão de obra em atuação, chegando a 2,9 milhões de profissionais em território nacional.

De acordo com a coordenadora pedagógica da Escola Técnica Vasco Antônio Venchiarutti (Etecvav), Michele Mattos dos Santos, os empregadores hoje avaliam a formação do profissional como um todo e não apenas o sexo. Com isso, as mulheres estão ganhando espaço independente da área. Agrimensura e edificações são bons exemplos, embora elas ainda sejam minoria nas salas de aula.

Há cinco meses contratada para um estágio na Etecvav, Vera Lúcia Barbosa da Silva, 23 anos - pernambucana que se mudou para Jundiaí com a família há três, em busca de melhores condições de vida -, já se destaca no setor de informática. E sabe muito bem o por quê do investimento, primeiro, na formação técnica.

Já as amigas Samara Santos de Brito, 16, estudante de mecânica de manutenção, e Carolina Maria Garbin, 15, aluna do curso de mecânica de usinagem, ambas no Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai), têm visão estratégica e querem investir em uma boa formação profissional.

Mais informações na edição impressa do Jornal de Jundiaí deste sábado (20)


Notícias relevantes: