Jornal de Jundiaí | https://www.jj.com.br

Noticiário derruba Bolsa e dólar chega a R$ 3,955

FOLHAPRESS | 18/04/2019 | 05:02

O noticiário negativo derrubou a Bolsa nesta quarta-feira (17). Na CCJ (Comissão de Constituição e Justiça), o relator Delegado Marcelo Freitas (PSL-MG) pediu que a sessão fosse suspensa para alterações em seu parecer de admissibilidade sobre a reforma. Entre os caminhoneiros, persiste o clima de insatisfação após pacote de medidas anunciado pelo governo.
Mesmo depois dos presidentes da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), e da CCJ, Felipe Francischini (PSL-PR), acelerarem o debate da Previdência e tentarem antecipar a votação para esta quarta, Freitas cedeu à pressão do centrão e pediu mais tempo para reanalisar o projeto.
A deliberação sobre novo parecer está prevista para terça (23). Depois de aprovado na CCJ, o projeto segue para apreciação de comissão especial na Câmara. Segundo Maia, esta etapa deve começar em 7 de maio.
A desidratação da PEC no início da tramitação é vista com preocupação pelo mercado. Além dos itens retirados pelo relator, a capitalização e as mudanças no BCP e na aposentadoria rural devem ser alteradas na comissão especial.
Tais mudanças na proposta enviada pelo governo Bolsonaro podem enxugar o valor economizado aquém dos R$ 600 a R$ 700 bilhões estimados pelo mercado.
Mesmo com o pacote de medidas para caminhoneiros, anunciado pelo governo na terça (16), representantes da categoria se dizem insatisfeitos e ameaçam paralisação em 21 de maio, aniversário de um ano do movimento de 2018.
Sob tensão dos investidores, o Ibovespa, maior índice acionário do país, caiu 1,11%, a 93.284 pontos. O dólar teve alta de 0,79%, a R$ 3,9350, maior patamar desde 27 de março, data marcada pela crise entre governo Bolsonaro e Câmara. No dia, a moeda americana bateu R$ 3,9550.

T_DOLAR


Link original: https://www.jj.com.br/economia/noticiario-derruba-bolsa-e-dolar-chega-a-r-3955/
Desenvolvido por CIJUN