Jornal de Jundiaí | https://www.jj.com.br

Produção artesanal de cervejas vira negócio lucrativo

| 01/09/2014 | 20:29

Empreendedores visionários têm encontrado na tradição cervejeira um nicho de mercado, sem pensar em produção em escala e lucro rápido. Cervejas ‘gourmet’ ou ‘premium’ conquistam cada vez mais o paladar brasileiro e já transformam a realidade de algumas famílias da região.

Em Itupeva, a Rofer Cerveja Artesanal emprega cerca de cinco pessoas e produz, em média, 15 mil litros de bebida – são quatro tipos diferentes de cerveja e cinco de chope, vendidos em barris, de acordo com a sócia-proprietária Roseli Aparecida de Andrade Oliveira. Segundo o cervejeiro da Rofer, Hugo Gambini Rocha, o aroma e o sabor são o diferencial de cada receita.

Em Jundiaí, o mercado das cervejas artesanais atraiu o empresário Daniel Bernardis Filho, que deixou uma carreira executiva consolidada para trás e apostou no negócio próprio neste ramo. A Biers Nards está em fase de conquistar credibilidade e isso tem ocorrido com êxito. Atualmente, algumas redes supermercadistas da cidade já comercializam a marca. A produção leva 30 dias e as receitas são desenvolvidas pelo próprio empresário.

Mais informações na edição impressa do Jornal de Jundiaí desta quarta-feira (03)


Link original: https://www.jj.com.br/economia/producao-artesanal-de-cervejas-vira-negocio-lucrativo/
Desenvolvido por CIJUN