Jornal de Jundiaí | https://www.jj.com.br

Ficção vira realidade na mão dos alunos do FabLab

DA REDAÇÃO | 24/11/2018 | 05:03

Os alunos da Emeb Marcos Gasparian estrearam, nesta sexta-feira (23), as instalações do Fab Lab Jundiaí, com um projeto criado por eles de um jogo educativo sobre as regiões do Brasil. O laboratório integra as ações do programa Escola Inovadora e é resultado da parceria entre a Prefeitura de Jundiaí e do Sesi – é o primeiro do País entregue em parceria com uma prefeitura.
De acordo com o Sesi, idealizador da plataforma, o Fab Lab não é um laboratório comum: o foco principal do trabalho está na resolução de problemas, melhorias em processos e na busca por soluções que façam a diferença para pessoas.
Para o prefeito Luiz Fernando Machado, a iniciativa coloca a educação municipal num novo patamar. “É um espaço transformador, que concretiza o sonho de permitir que as crianças aprendam na prática o que eles já conhecem conceitualmente”, disse o prefeito.
Representando a Fiesp, o 1º diretor-secretário, Vandermir Francesconi Júnior, qualificou a iniciativa da prefeitura como visionária. “O melhor que podemos fazer é educar. E educar com referência é melhor ainda. Esta parceria permite multiplicar inovação nas crianças, o que há de melhor no país. Jundiaí é responsável por 1% do Produto Interno Bruto (PIB) nacional e a indústria decide investir no município, pois empreender é imprescindível.”
Os Fab Labs estão espalhados por dezenas de países. São mais de mil em todo o mundo e cerca de 40 no Brasil. Cada um tem foco nas demandas regionais, formando uma grande rede para o compartilhamento de soluções. O de Jundiaí tem como público-alvo quase 20 mil alunos das 49 unidades escolares que integram a rede municipal de Ensino Fundamental. Aberto também para a comunidade, o laboratório fica disponível com prévio agendamento para pessoas que precisarem do espaço para desenvolver projetos.
Dois gurus, um coordenador pedagógico e um manager de projetos, todos servidores da rede, irão monitorar os alunos no espaço, que conta com bancadas, computadores, ferramentas, impressoras 3D, plotter de recorte, fresadora de precisão, máquina de costura, matérias-primas e uma TV conectada à internet, que permite o contato em tempo real dos alunos com os laboratórios espalhados pelo mundo.

T_escola2


Link original: https://www.jj.com.br/educacao/ficcao-vira-realidade-na-mao-dos-alunos-do-fablab/
Desenvolvido por CIJUN