Jornal de Jundiaí | https://www.jj.com.br

Use as cores a seu favor no trabalho

| 15/06/2014 | 00:28

As cores exercem um grande poder em cada um de nós, seja no dia a dia ou em ocasiões especiais, sendo capazes de transformar o humor, elevar a auto-estima, transmitir confiança e tantas outras características pessoais. No ambiente corporativo, é preciso cuidado com a imagem e a postura porque representamos a empresa. Por isso mesmo, as escolhas certas podem fazer toda diferença na hora de causar uma boa impressão.

Quem deseja sentir com mais intensidade a influência das cores pode ter auxílio de serviços como a colorimetria pessoal com cromoterapia aplicada.  A consultora Cristiane Siviero diz que trata-se de uma orientação quanto às cores que os favorecem na vida pessoal e na área profissional, observando desde os costumes até os ambientes que as pessoas frequentam. “A cromoterapia é o tratamento da saúde através do uso pontual e certeiro das cores, cada cor tem uma vibração e traz um benefício”, explica. 

No vestuário, é apresentada uma cartela de cores que leva em consideração o biótipo natural de cada um. “Muita gente não sabe, mas cada um tem uma cor que combina mais com sua personalidade/imagem que quer criar, e menos com outra. Além disto, cada “momento” tem uma cor que pode auxiliar no objetivo desejado”, explica Cristiane.

No trabalho, ela diz que há empresas como as coreanas e japonesas que levam a sério o significado das cores. Dessa forma, ela orienta que o primeiro passo é se informar sobre a cultura da empresa, quem são os dirigentes e, na dúvida, optar por cores neutras e mais clássicas como o azul marinho que vai bem em qualquer cenário. 

Em uma entrevista de emprego, ele desaconselha o uso do amarelo, vermelho e laranja e variações para roupas e até gravatas. “Apesar de serem tons que remetem a criatividade, elas podem incomodar, inclusive se o selecionador não estiver num de seus melhores dias, e instigar o debate a cada resposta do entrevistado, deixando um pouco o foco da entrevista que é a análise do conhecimento. Isso é automático porque as cores geram essas reações”, observa. Para que a entrevista ocorra de forma mais calma, ela aconselha os tons mais suaves como branco, azul, verde”.   

Já como empregado, ela exemplifica que o amarelo demonstra que a criatividade está a mil, que trata-se de alguém proativo.

A consultora alerta que o vermelho não é deve ser usado quando é preciso ter uma conversa mais séria com o chefia porque trata-se de um tom que pode ‘pegar fogo’ literalmente, pode soar provocativo, estimular a agressividade. “Melhor optar pelos tons de rosa que representam o amor incondicional. Assim você irá transmitir que apesar da situação, você tem carinho pela pessoa e pode aumentar a chance de ser ouvida com mais atenção”.    

Quem busca equilíbrio  no ambiente corporativo deve apostar nas tonalidades do verde. Mas Cristiane alerta que é preferível usar a cor da cintura para cima. “É uma cor forte que deve ser visualizada pelas pessoas”, diz. 

A harmonia é garantida com o azul, considerado pela especialista como um tom assertivo em várias situações. “É quase um tom celestial como o lilás porque é sinônimo de harmonia, paz, saúde.” Para espiritualidade, as cores puxadas para o lilás e roxo são as mais indicadas. “São cores celestiais têm o poder de nos proteger contra a inveja, o ciúme”. 

O preto é sempre bem-vindo, assim como o branco que é a soma de toda as cores. O cinza é neutro, mas nem sempre compõe o visual e pode deixar a pessoa ‘apagada’. Na opinião da consultora, o marrom e tons de terra são cores que funcionam porque ‘camuflam’ a pessoa. “Se a ideia é passar uma imagem positiva elas não ajudarão”.  


Link original: https://www.jj.com.br/empregos-e-concursos/use-as-cores-a-seu-favor-no-trabalho/
Desenvolvido por CIJUN