Acervo

A um clique de um possível amor

2014-06-20_14-05-57_1
Crédito: Reprodução/Internet

A tecnologia dita as novas tendências e deixa tudo acessível na tela de um smartphone. Se as pessoas fazem compras pela internet, trabalham, assistem filmes e se relacionam com amigos e até desconhecidos, por que não usar deste meio para procurar um algo a mais? Relacionamentos que nascem em sites ou aplicativos são cada dia mais comuns, embora não sejam novidade.

A última moda é baixar aplicativos que encontram possíveis parceiros usando os mecanismos de GPS dos smartphones. O app mostra a foto da pessoa, a distância a que se encontra e uma breve descrição de seus interesses. Foi em um desses apps, o Tinder, que Danielle Wonrath Stathakis, 30 anos, e Evandro Oliveira, 33, se encontraram, cinco meses atrás.

Ambos estavam solteiros, mas tinham dúvidas a respeito da ferramenta. “Resolvi me cadastrar por dica de uma amiga, mais por curiosidade do que por acreditar no aplicativo”, diz Danielle. As fotos da bancária chamaram a atenção. Mas foi o bom papo, inteligência e maturidade que levaram o vendedor de carros Evandro a decidir que precisava vê-la dois dias depois de começarem a se falar.


Notícias relevantes: