Jornal de Jundiaí | https://www.jj.com.br

Inspirado pelo pai, jovem se dedica à poesia

| 07/08/2014 | 09:09

Se boa parte dos jovens de hoje prefere se expressar por escrito através de poucas palavras e de abreviações e sofre ao encarar a tarefa de ter que escrever um texto, Jonas Worcman de Matos foge do padrão. Com 19 anos, ele tem dois livros de poesia lançados em conjunto com seu pai, o também escritor José Santos, e diz que começou a fazer rimas antes mesmo de aprender a escrever.
“Tive muito apoio do meu pai, que é poeta e fazia várias atividades na escola. Nessa época ele estava fazendo poemas sobre os bichos, e com 6 anos escrevi meu primeiro poema, sobre um caracol”, conta Jonas.
E a parceria entre ele e seu pai se concretizou no primeiro livro que escreveram juntos, A Casa do Franquis Tem, lançado em 2008, quando Jonas tinha 13 anos. A obra traz poemas divertidos sobre um cara chamado Franquis Tem que conhece um lugar assombrado e engraçado.
Dois anos depois, veio Show de Bola, livro de poemas bem humorados sobre o universo do futebol que este ano ganhou uma versão digital interativa para iPad.
Para Jonas, a escrita é dom, uma forma de expressar sua essência, e ele pretende continuar produzindo poemas para o público infantil.
Há dois anos, o jovem participa de saraus e também escreve sobre outros temas como amor e política. Entre seus interesses estão o Cinema e a Naturologia, caminho que pretende seguir profissionalmente, sem nunca deixar a poesia de lado.
Além disso, Jonas descreve a poesia como um grande canal de cura.

Um dos poemas de Jonas:

HOJE É DIA DE FAXINA!

Na casa mal-assombrada,
a faxina foi geral.
Cinco fantasmas secavam,
pendurados num varal.

E colocaram de molho,
numa bacia azulada,
quinze metros bem medidos
da múmia desenrolada.


Link original: https://www.jj.com.br/especiais/inspirado-pelo-pai-jovem-se-dedica-a-poesia/
Desenvolvido por CIJUN