Jornal de Jundiaí | https://www.jj.com.br

Qual a melhor escola para meu filho?

| 09/10/2014 | 01:00

A pediatra Mônica Tavares Teixeira, mãe de dois filhos de 3 e 5 anos, visitou cerca de 10 escolas em Jundiaí para encontrar uma que atendesse suas expectativas. Vinda de São Paulo, há cerca de dois meses, ela procurava uma escola pequena nos mesmos moldes e abordagem pedagógica do colégio que os filhos estudavam na capital, que era sócio-construtivista.

“Queria um lugar onde elas pudessem ter acesso a um tipo de ensino mais livre que se preocupe com o aprendizado, mas que não fosse voltado apenas para a matéria. Onde os pequenos aprendem através das brincadeiras e o convívio com outras crianças”. Mônica encontrou um colégio bilíngüe que atendeu suas necessidades e segue o método sócio-construtivismo e Montessoriano e está feliz com a escolha.

“Acredito que a apostila muitas vezes acaba tolhendo alunos e professores”, explica. O momento de escolher um colégio para os filhos é sempre complexo e deve levar várias questões em consideração, que segundo especialistas vão além da localização e do método de ensino aplicado. De acordo com Dianir Clari Mariani, coordenadora pedagógica geral do colégio Divino Salvador, com mais de 40 anos de experiência na área de educação, a escola ideal é aquela onde o aluno se sente bem.

“A melhor escola é aquela que seu filho cresça, seja feliz e construa os conhecimentos necessários para viver”, garante. Mas como saber se seu filho irá se adaptar ao colégio escolhido? A primeira dica de Dianir é uma boa conversa entre os pais e a coordenação da escola para que as dúvidas sejam sanadas e os pais entendam melhor a forma de trabalho da escola e se esta está de acordo com os valores que eles acreditam e querem passar aos filhos.


Link original: https://www.jj.com.br/especiais/qual-a-melhor-escola-para-meu-filho/

Os comentários estão desativados.

Desenvolvido por CIJUN