Esportes

Atleta de vôlei entra com recurso


Carol Solberg entrou com um recurso no Pleno do Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) contra a advertência sofrida por ter gritado "Fora, Bolsonaro" durante entrevista ao vivo na primeira etapa do Circuito Nacional de vôlei de praia. Com a decisão do julgamento em primeira instância, a atleta foi liberada para jogar ao lado de sua parceira Talita na etapa seguinte, no último fim de semana. Os advogados de Carol, porém, entraram com o recurso por entenderem que a jogadora sequer deveria ser advertida pelo ato. Ela é defendida pelos advogados Felipe Santa Cruz, atual presidente da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), e Leonardo Andreotti, ex-presidente do próprio STJD do Vôlei. O recurso não tem prazo para ser aceito ou julgado.

(Das agências)


Notícias relevantes: