Esportes

F1 sem presença de público


Os planos dos organizadores do GP da Emilia-Romana de realizar a corrida com a presença do público foram frustrados pelo governo italiano. O circuito de Imola havia recebido uma permissão para vender até 13 mil ingressos para a corrida do próximo domingo, mas novas medidas emitidas pelo primeiro ministro, Giuseppe Conte, para conter o avanço do coronavírus, impedem a realização da prova com a presença de fãs nas arquibancadas.


Notícias relevantes: