Esportes

No duelo dos portugueses, Palmeiras vence Vasco

Time do técnico Abel Ferreira levou a melhor contra Ricardo Sá Pinto


Divulgação
Palmeirenses comemoram gol de Luiz Adriano
Crédito: Divulgação

No confronto entre os portugueses Ricardo Sá Pinto e Abel Ferreira, quem levou a melhor foi o técnico do Palmeiras. Em um jogo de poucas chances, o Verdão venceu o Vasco por 1 a 0, neste domingo (8), em São Januário, pela 20ª rodada do Campeonato Brasileiro. Luiz Adriano, em rebote de pênalti que ele mesmo bateu e Fernando Miguel defendeu, fez o único gol da partida,

O resultado empurra o Vasco para a 17ª colocação do Brasileirão, com apenas 19 pontos. Depois de um bom início no campeonato, a situação agora é crítica: o time não vence há nove rodadas (sete derrotas e dois empates). No sábado (14), enfrenta o Sport, às 16h30, na Ilha do Retiro.

O Palmeiras chega à sexta vitória consecutiva na temporada, três delas no Brasileirão. A reação fez o time novamente sonhar em encostar nos líderes. O Verdão aparece em sexto, com 31 pontos. No sábado, recebe o Fluminense, às 21h30, no Allianz Parque.

O Palmeiras foi melhor do que o Vasco no primeiro tempo, mas não que isso signifique muito. O desempenho de ambos deixou muito a desejar. Nenhuma chance de gol foi criada. Os paulistas ficaram mais tempo com a bola e não souberam o que fazer com ela. O Verdão avançou as linhas, ocupou o campo rival e nada produziu por conta do grande número de passes errados já perto da área vascaína. O Cruz-Maltino foi cauteloso. Mesmo jogando em casa, adotou uma postura defensiva à espera de um contra-ataque que não aconteceu. No único susto, Neto Borges desviou de cabeça por cima do próprio gol após batida de falta de Raphael Veiga, aos 42 minutos.

O Vasco voltou do intervalo buscando o ataque e abriu espaços na defesa. Foi assim que, logo aos dois minutos, Rony avançou em disparada, invadiu a área, mas demorou a bater e foi travado por Fernando Miguel. Com mais agilidade na frente, os vascaínos também assustaram, aos dez, com Cano. Weverton fez ótima defesa. Andrey levou perigo, aos 16, em chute que passou perto da trave. A vantagem, porém, foi do Palmeiras. Lucas Lima, que acabara de entrar, foi derrubado na área por Neto Borges. Luiz Adriano bateu o pênalti, Fernando Miguel defendeu, mas o centroavante marcou no rebote. Os papeis, então, se inverteram. O Palmeiras passou a jogar mais atrás à espera dos contra-ataques. O Vasco tentou ir para cima, mas não teve força para empatar.


Notícias relevantes: