Esportes

COI vai exigir vacina para atletas


Divulgação
Jogos Olímpicos serão realizados em julho, mas ainda é duvida
Crédito: Divulgação

Em meio a ondas, mutações do vírus e início da vacinação em algumas dezenas de países, o mundo olímpico discute como serão realizados os Jogos de Tóquio em julho.

Em reuniões entre o Comitê Olímpico Internacional (COI), o Comitê Organizador de Tóquio e os Comitê Nacionais, sabe-se que hoje ainda estão abertos os três cenários: Olimpíadas sem torcida (numa espécie de bolha), com público reduzido (o mais provável hoje) ou com torcedores de todo o mundo (no mais perto possível da normalidade).

Uma posição que o COI deve confirmar é a de não exigir que um certificado de vacinação dos participantes dos Jogos Olímpicos. O entendimento atual da entidade é que nem atletas, nem técnicos ou nem mesmo jornalistas que irão cobrir o evento precisarão comprovar que já estão vacinados para conseguir suas credenciais olímpicas.

No entanto, o comitê presidido pelo alemão Thomas Bach vai incentivar e apoiar campanhas de vacinação contra a covid-19. E mais: quer que os atletas se vacinem para servirem de exemplo para todo o planeta. O COI vai insistir que além da proteção pessoal, a vacinação tornará o ambiente seguro para todos os envolvidos. (Das Agências)


Notícias relevantes: