Esportes

Protocolo da covid-19 deixa a Haas sem engenheiros


Penúltima colocada no Mundial de Construtores de F1 de 2020, a Haas vem enfrentando problemas antes mesmo de seu novo carro entrar na pista para os testes de pré-temporada. A equipe americana, que tem fábrica na Inglaterra, não tem engenheiros especializados para montar os motores Ferrari no chassis devido às restrições de entrada no país por causa da pandemia de coronavírus.

Em 2021, a Haas está construindo seu carro pela primeira vez na fábrica de Banbury, na Inglaterra, e os motores Ferrari já estão no país. Mas as unidades só podem ser montadas nos chassis pelos engenheiros do fabricante italiano, e estes não estão podendo entrar no Reino Unido sem passar por uma quarentena de duas semanas.

Até o ano passado, a operação era inversa, e os motores eram montados nos carros já na Itália, além do motor, a Haas usa câmbio e suspensões da Ferrari. Como por regulamento os componentes dos chassis de 2021 são praticamente os mesmos do ano passado com ligeiras alterações.


Notícias relevantes: