Esportes

Bartolomeu, ex-presidente do Barcelona, é preso


O ex-presidente do Barcelona, Josep Maria Bartomeu, 58, foi preso nesta segunda-feira (1) junto com outros dirigentes do clube pela Polícia da Catalunha.

Um porta-voz da polícia confirmou à agência de notícias AFP que, além de Bartomeu, a força-tarefa cumpriu uma série de pedidos de prisão. O jornal espanhol "AS" afirmou que também foram detidos o ex-assessor do ex-mandatário, Jaume Masferrer, o CEO do clube, Óscar Grau, e o responsável pelos serviços jurídicos, Romà Gómez Ponti. Eles devem ser ouvidos na investigação apelidada de Barçagate, que apura corrupção, lavagem de dinheiro e má administração no time.

Enquanto presidente do Barcelona, Bartomeu teria contratado pelo clube uma empresa para criar contas nas redes sociais e difamar ex-dirigentes, atletas (como Lionel Messi e Pique) e ex-jogadores (como Puyol e Pep Guardiola -que também foi treinador da equipe). A denúncia inicialmente foi feita por sócios.

(Das agências)


Notícias relevantes: