Esportes

Evandro e Guto são vice-campeões de vôlei de praia em Doha


Evandro e Guto são vice-campeões de vôlei de praia em Doha
Crédito: Reprodução/Internet

Os brasileiros Evandro e Guto ficaram com a medalha de prata na etapa de Doha (Catar), que abriu a temporada 2021 do Circuito Mundial de vôlei de praia. Nesta quarta-feira (12), a parceria foi superada na decisão masculina pelos tchecos Ondrej Perusic e David Schweiner por 2 sets a 0, com parciais de 21/16 e 21/19. 

No primeiro set, Perusic e Schweiner emplacaram uma sequência de quatro pontos, quando o marcador estava em 10 a 10, encaminhando a vitória na parcial. No set seguinte, os tchecos mantiveram o ritmo inicialmente, mas Evandro e Guto conseguiram se aproveitar de erros dos adversários e reequilibraram a partida. A reação, porém, foi logo interrompida e a dupla europeia administrou a vantagem de dois pontos para garantir a primeira medalha de ouro deles em uma etapa de Circuito Mundial.

Evandro e Guto chegaram invictos à final, após vitórias por 2 a 0 sobre os letões Aleksandrs Samoilovs e Janis Smedins (21/11 e 21/16) e 2 a 1 para cima dos norte-americanos Jake Gibb e Taylor Crabb (26/24, 21/23 e 15/11). Foi a primeira vez que eles atuaram juntos em uma competição. O parceiro oficial de Evandro é Bruno Schmidt, que contraiu o novo coronavírus (covid-19) e está em recuperação. A dupla brasileira é a quarta colocada do ranking mundial da Federação Internacional de Vôlei (FIVB, sigla em inglês) e a quinta do ranking de classificação para a Olimpíada de Tóquio (Japão).

Na chave feminina, as brasileiras Ágatha e Duda garantiram o bronze ao derrotarem as norte-americanas Kelley Kolinske e Emily Stockman também por 2 a 0, com parciais de 21/13 e 21/14. Na semifinal, elas haviam sido vencidas pelas canadenses Sarah Pavan e Melissa Humana-Paredes, atuais campeãs mundiais, por 2 a 0 (22/24 e 24/26). Na estreia, a dupla do Brasil - quarta colocada nos rankings mundial e olímpico da FIVB - bateu as norte-americanas Kelly Claes e Sarah Sponcil por 2 a 0 (21/14 e 21/15).


Notícias relevantes: