Esportes

SÉRIES A2 E A3 TEMEM PREJUIZO


A paralisação do futebol em São Paulo tornou ainda mais difícil a situação dos 32 clubes que disputam as séries A2 e A3 do estadual. O maior temor dos dirigentes é que a suspensão seja prorrogada e vá além dos 15 dias previamente estipulados.

Existem repasses de verba da FPF (Federação Paulista de Futebol) e, no caso da A2, televisionamento. O valor varia entre R$ 400 mil e R$ 2 milhões.


Notícias relevantes: