Esportes

Real Madri e City saem na frente jogando em casa

CHAMPIONS LEAGUE Vinicius Jr. e De Bruyne brilharam na abertura das quartas de final da competição


Divulgação
Vinícius Jr. marcou duas vezes e foi o destaque da vitória do Real Madri pra cima do Liverpool no Bernabéu
Crédito: Divulgação

O Real Madrid deu nesta terça-feira um importante passo em busca de vaga na semifinal da Liga dos Campeões da Europa. Diante de um Liverpool em noite infeliz, a equipe espanhola venceu por 3 a 1 no Alfredo Di Stéfano e vai para o jogo da volta com vantagem de poder perder por um gol de diferença. Vini Jr, autor de dois gols, brilhou pelo lado merengue, e Asensio também marcou. Salah fez para os ingleses.

Os dois times entraram com desfalques na defesa, mas o Real Madrid pouco sentiu a falta de Varane e Sergio Ramos. O Liverpool errou muito, principalmente no primeiro tempo, e não levou perigo a Courtois a não ser quando marcou seu gol.

Na quarta-feira da próxima semana, dia 14, as equipes voltam a se enfrentar, desta vez em Anfield. Há o critério do gol marcado fora de casa, portanto o Liverpool avança em caso de vitória por 2 a 0.

Pelo outro jogo do dia, é justo dizer que o Manchester City já foi mais convincente ao longo da temporada do que nesta terça-feira. Mas agora estamos nas quartas de final da Liga dos Campeões, onde o time de Pep Guardiola foi eliminado três vezes consecutivas. Há alguns demônios internos, uma barreira mental a ser superada. Vencer o Borussia Dortmund por 2 a 1, em casa, portanto, está longe de ser uma notícia ruim. De Bruyne, o craque do jogo, e Foden, aos 45 minutos do segundo tempo, marcaram para os ingleses. Reus descontou em assistência de Haaland, num gol fora que pode ser precioso.

De Bruyne mais uma vez comandou o Manchester City. Abriu o placar aos 19 minutos em jogada que começou com ele na intermediária e terminou com a finalização na pequena área após passe de Mahrez. Na etapa final, seguiu criando chances, não aproveitadas por Foden, até que cruzou para Gündogan ajeitar para o próprio camsa 47 inglês fechar o placar aos 45 minutos do segundo tempo.


Notícias relevantes: