Esportes

Flamengo vai à CBF pedir paralisação

A data desejada pelo Flamengo para fim das competições seria 10 de janeiro de 2022


Divulgação
Rodolfo Landim pedirá que o Brasileirão seja adiado e termine em 2022
Crédito: Divulgação

Depois da confirmação da Conmebol em relação à Copa América ser disputada no Brasil, o Flamengo começa a agir nos bastidores. E uma ida à CBF aconteceu nesta segunda-feira (31) visando uma paralisação do calendário brasileiro e uma possível extensão até 2022.

A intenção da diretoria rubro-negra vai além de parar a principal competição do país. O clube quer uma isonomia, já que pode perder sete ou até oito jogadores por nove rodadas do Brasileiro em virtude das convocações.

O pedido em conversa com a entidade será feito pelo presidente Rodolfo Landim e pelo vice de relações externas Luiz Eduardo Baptista. A intenção é de que aconteça uma a extensão do calendário do futebol brasileiro até janeiro de 2022, algo parecido com o que aconteceu na última temporada por conta da pandemia.

A data desejada pelo Flamengo para fim das competições seria 10 de janeiro do ano que vem. Se o pedido for aceito, o calendário ganharia um mês a mais e desafogaria o clube carioca e outras equipes que vão perder atletas para a disputa da Copa América.

Além de perder atletas convocados para as seleções do Brasil, Uruguai e Chile, o clube carioca vive agora outro dilema por conta da Copa América: o gramado do Maracanã, que deve ser utilizado para a competição e afetará o clube em seus compromissos no país.

 


Notícias relevantes: