Esportes

Seleção brasileira vence em casa e se isola na liderança

ELIMINATÓRIAS Buscando a classificação para a Copa do Mundo, o Brasil ganhou do Equador em casa e segue 100% na competição


Divulgação
Com gols de Richarlison e Neymar, o Brasil venceu do Equador pelas Eliminatórias da Copa do Mundo, por 2 a 0.
Crédito: Divulgação

Em meio ao caos político e às desavenças entre jogadores e CBF, devido a Copa América, a seleção brasileira venceu do Equador na noite desta sexta-feira (4), pela sétima rodada das Eliminatórias Sul-Americanas da Copa do Mundo de 2022, por 2 a 0.

Com gols de Richarlison e Neymar, o Brasil garantiu os três pontos e permaneceu na primeira posição da tabela com 15 pontos e 100% de aproveitamento na competição, enquanto o Equador permaneceu na terceira posição, com 9 pontos.

A partida no Beira-Rio marcou o primeiro jogo da seleção em 2021, pois a quinta e a sexta rodada foram adiadas por conta da pandemia de covid-19.

Esse foi o 33º confronto entre as seleções, até então eram 26 vitórias, quatro empates e apenas duas derrotas do time canarinho, a última delas há quase 17 anos, pelas Eliminatórias para a Copa de 2006.

O jogo começou com amplo domínio da seleção brasileira, trocando passes no campo de ataque, enquanto os equatorianos se defendiam e esperavam pelo contra-ataque.

Com o passar do tempo, o Brasil seguiu explorando a defesa adversária, mas sem conseguir furar o bloqueio. A primeira chance perigosa do jogo ocorreu aos 19 minutos, com falta cobrada por Neymar e defesa tranquila do goleiro equatoriano.

Aos 41 minutos, Gabigol balançou as redes no Beira-Rio, mas o gol foi anulado, devido o atacante estar em posição de impedimento.

O segundo tempo começou como terminou o primeiro, com a seleção brasileira controlando o jogo e pressionando a defesa adversária, mas sem sucesso no ataque.

Enfim, aos 19 minutos, Richarlison abriu o placar em Porto Alegre. Na jogada, Lucas Paquetá dividiu uma bola no meio de campo e na sobra, Neymar deu um passe preciso para a ultrapassagem em velocidade do Pombo, que chutou forte para o fundo das redes, 1 a 0.

Aos 43 minutos, Gabriel Jesus sofreu falta dentro da área e o árbitro mandou o lance seguir, mas na sequência foi chamado para revisar no VAR e assim, confirmou o pênalti. Na batida, o goleiro se adiantou e defendeu a cobrança de Neymar, o lance teve que voltar e na segunda cobrança, Neymar marcou e decretou a vitória brasileira por 2 a 0.


Notícias relevantes: