Esportes

PSG veta Neymar e Marquinhos

O time francês insiste em não ceder dois de seus titulares para os Jogos de Tóquio


Lucas Figueiredo/CBF
Neymar pode desfalcar a Seleção Brasileira nas Olimpíadas de Tóquio
Crédito: Lucas Figueiredo/CBF

O Paris Saint-Germain vetou pedido da CBF (Confederação Brasileira de Futebol) e avisou que não vai liberar Neymar e Marquinhos para a disputa dos Jogos Olímpicos de Tóquio com a seleção brasileira. O zagueiro e o atacante estão com a seleção principal na disputa da Copa América e eram dois dos pretendidos do técnico André Jardine para irem ao Japão em seguida, ao menos no plano inicial da comissão técnica.

Antes de ser afastado da presidência da CBF, Rogério Caboclo chegou a enviar carta ao Paris pedindo para que o clube revise sua posição. No entanto, o time francês bateu o pé e ressaltou que não irá ceder dois de seus titulares.

O argumento do PSG é que a Olimpíada não é um "torneio oficial", já que está fora da data Fifa, e que, portanto, não há obrigação da liberação de atletas. O contrato de Neymar, por exemplo, obriga o clube a liberá-lo sempre para jogos oficiais da seleção. A CBF chegou a negociar com o Paris a respeito do entendimento sobre o caráter da Olimpíada, mas não obteve sucesso.

 


Notícias relevantes: