Esportes

Tóquio: Cátia Cristina perde no tênis de mesa, mas mantém chances

A brasileira perdeu no tênis de mesa, classes 1 e 2, para a polonesa Dorota Buclaw


ALE CABRAL/CPB
02.07.21 - CATIA OLIVEIRA - Treino do Tênis de Mesa no CT Paralímpico, em São Paulo. Foto: Ale Cabral/CPB.
Crédito: ALE CABRAL/CPB

A brasileira Cátia Cristina Oliveira perdeu no tênis de mesa feminino, classes 1 e 2, para a polonesa Dorota Buclaw pelo placar de 3 sets a 1. Na madrugada de quinta-feira (26), a paulista venceu a primeira etapa jogando bem, mas acabou sofrendo a virada para uma adversária muito fria, que demonstrou calma durante toda a partida. Nas demais parciais a brasileira oscilou, cometendo erros e se recuperando em alguns momentos, mas não o suficiente para vencê-los.

No primeiro set, Cátia conseguiu virar um placar adverso de 3 a 1 e chegou a abrir uma vantagem de três pontos. Com bom saque e devoluções firmes, a brasileira fechou o primeiro set em 11 a 8. A segunda etapa foi mais equilibrada, sobretudo na reta final. A polonesa saiu na frente mais uma vez e sustentou a vantagem por dois pontos até a reta final. Cátia empatou em 9 a 9 e virou para 10 a 9. Porém, a polonesa empatou em seguida e virou para 11 a 10. Em seguida, fechou a vitória por 12 a 10.

Dorota saiu na frente mais uma vez no terceiro set. Percebendo a queda de rendimento de Cátia, o técnico da brasileira pediu tempo e conversou com a atleta, pedindo tranquilidade para voltar ao jogo. A paulista chegou então a encostar no placar, mas não foi o suficiente. Dorota venceu por 11 a 9 e virou a partida.

Cátia demonstrava mais emoções durante o jogo, inclusive seu descontentamento com alguns erros, e vibrava a cada ponto ganho, diferente da polonesa. Dorota era mais fria e mantinha uma expressão neutra quase durante toda a partida. No quarto set, a europeia administrou bem a vantagem obtida nos primeiros pontos até a reta final. A brasileira conseguiu buscar o empate no final, mas sua adversária manteve o equilíbrio e conseguiu fechar o set por 12 a 10 e vencer a partida.

O resultado não eliminou a brasileira. Como havia vencido na primeira rodada, Cátia ainda tem chances de ir às quartas de final do torneio. Para isto, depende de uma vitória de Dorota sobre a finlandesa Aino Tapola, já derrotada pela brasileira.


Notícias relevantes: