Esportes

Gabrielzinho vence nos 200m livre S2 e fatura 4º ouro da natação brasileira

O brasileiro já tinha conquistado a prata nos 100m costas da classe S2 e ainda participará da competição de 50m costas


Brasil leva mais dois Ouros e um Bronze na natação em Tóquio
Crédito: Reprodução/Internet

Gabriel Geraldo dos Santos Araújo, o Gabrielzinho, conquistou a medalha de ouro na final masculina dos 200m livre da classe S2 (atletas com limitações físico-motoras). O brasileiro terminou a prova com o tempo de 4min06s52 e levou sua segunda medalha nas Paralimpíadas de Tóquio. Além disso, foi o quarto ouro da natação brasileira no evento.

A prata acabou com o chileno Alberto Abarza (4min14s17), enquanto o bronze foi para o russo Vladimir Danilenko (4min15s95). O Brasil ainda teve outro representante na final, Bruno Becker, que fechou a disputa na quarta posição (4min22s63).

Gabrielzinho passou em primeiro nos 50m e caiu para segundo na virada dos 100m. Dos 100m aos 150m, variou o estilo e nadou de costas. E retomou a liderança após a metade da prova. Ainda aumentou o ritmo e sobrou nos metros finais.

O brasileiro já tinha conquistado a prata nos 100m costas da classe S2. Em Tóquio, ele ainda disputa os 50m costas, que têm eliminatórias na noite de quarta-feira (1º).

Mineiro de Santa Luzia, Gabrielzinho tem apenas 19 anos, mas já vai recheando seu currículo de Nathália medalhas. Em 2019, ele foi ouro nos 50 e 100m livre e bronze nos 50m costas e nos 50m borboleta nos Jogos Parapan-Americanos de Lima. Agora, então, já conquistou dois pódios paralímpicos em Tóquio.

Com o resultado, o Brasil passa a somar 13 medalhas na natação nas Paralimpíadas de Tóquio, sendo quatro de ouro, duas de prata e sete de bronze. Já igualou, assim, o número de douradas do Rio-2016, quando também levou sete pratas e oito bronzes.

O triunfo de Gabrielzinho encerrou um dia especial da natação brasileira em Tóquio. Com direito a recorde paralímpico, Maria Carolina Santiago foi ouro na classe S12 dos 50m livre. E Beatriz Carneiro levou o bronze nos 100m peito da classe SB14.

No total, a delegação do Brasil já faturou 30 medalhas nas Paralimpíadas de Tóquio, sendo 10 de ouro, cinco de prata e 15 de bronze.


Galeria de Fotos


Notícias relevantes: