Esportes

Brasil vence a Argentina e conquista 33º título Sul-americano de vôlei


Divulgação
Brasil campeão
Crédito: Divulgação

Na manhã deste domingo (5), o Brasil venceu a Argentina por 3 sets a 1, parciais de 25/17, 24/26, 25/18 e 25/18, e conquistou o título do Sul-americano de vôlei masculino. Com essa conquista, a seleção brasileira segue vencendo todos os campeonatos continentais no qual participou, são 33 títulos em 34 edições -em 1964 os brasileiros não competiram.
Com a vitória no jogo deste domingo, o Brasil chegou aos 12 pontos, em quatro jogos, e concluiu a competição com 100% de aproveitamento, perdendo apenas um set -na partida de hoje- durante todo o campeonato.
Vale citar que neste Sul-americano a seleção brasileira estava com alguns jogadores diferentes com relação às Olimpíadas: Vaccari, Maique, Flávio, Adriano, Aboubacar, Cledenilson e João Rafael. Wallace, por exemplo, antes da competição havia anunciado sua aposentadoria da seleção.
Esse foi o primeiro confronto entre as seleções desde que a Argentina venceu a disputa pelo bronze nos Jogos Olímpicos de Tóquio 2020.


1º SET
O Brasil começou muito bem, com Maique fazendo boas defesas e Alan colocando a bola no chão. Depois de um início mais acirrado, os brasileiros foram muito superiores e conseguiram manter uma boa diferença no placar, fechando o primeiro set com tranquilidade por 25 a 17.


2º SET
Em mais um início disputado, com ponto lá ponto cá, com a Argentina sem impondo mais e não permitindo que o Brasil abrisse uma vantagem. Os argentinos pegaram confiança no jogo, conseguiram abrir dois pontos - 9 a 7 -, mas, após isso, a partida voltou a ficar acirrada.
Renan Dal Zotto pediu tempo para tentar reorganizar a seleção brasileira, mas os argentinos voltaram inspirados e conseguiram abrir a maior vantagem do set, três pontos. O Brasil conseguiu reagir, colando no placar, mas a Argentina fechou o set por 26 a 24.


3º SET
Com a partida empatada, o começo do terceiro set foi muito disputado. Com as duas equipes bem no jogo e o placar parelho, chegando a ficar 13 a 13. Depois disso, o Brasil conseguiu se impor e abrir cinco pontos de vantagem num momento importante, 20 a 15. O técnico argentino parou o jogo para tentar acabar com a sequência brasileira, mas não funcionou e os comandados de Renan fecharam em 25 a 18.


4º SET
O Brasil colocou um início avassalador, abrindo 7 a 1 com muita facilidade. Mas a Argentina voltou para o set e conseguiu diminuir a vantagem para apenas dois pontos. Apesar disso, a seleção brasileira não se abalou e seguiu jogando muito bem.
Com o set encaminhado, o Brasil garantiu a conquista do 33º título de Sul-americano, fechando com o placar de 25 a 18.


Notícias relevantes: